Em 2019, este blog comemora, 10 anos de existência! Virá TANTA coisa boa! Jantares, Ofertas, Entrevistas, Eventos, conteúdos Exclusivos e... surpresas! =P

sábado, 21 de dezembro de 2013

Pai, Mãe - Sou GAY

Olá a todos!

Já não vinha cá há muitos meses, não por não gostar de vocês, mas porque a vida não se proporcionava a isso.

Sinto necessidade de vos contar algo que... nunca tinha imaginado.
Contei, há poucas horas, que sou gay aos meus pais.

Como me estou a sentir?? Mal!

Mal porque sempre fui adepto da frase "ninguém tem nada a ver com quem eu durmo" e, de repente, sou forçado a contar o meu maior Segredo, principalmente quando as coisas estão negras.....

A minha mãe está mal - vai ser operada em Janeiro e vão lhe tirar o ovário e a trompa, tem vários quistos e vão lhe tirar tudo.... já para não falar da mama e do problema que já tem no joelho...

O meu Pai - está farto de discutir comigo e com a minha mãe, anda a chegar a casa perto das 2 da manhã....
diz que faz isto e aquilo...

Como eles reagiram? Mais ou menos.

O meu Pai disse que já sabia e que não era surpresa nenhuma.
A minha Mãe é que ficou para morrer, dizia que se sentia "enganada"...

Como reagiram ao facto do meu ex querem lixar-me a vida? Mal!

A minha mãe disse para nós falarmos como adultos.
O meu pai disse - "quando o vir, mato-o"....

Como está a situação neste momento? Melhor...

Estou no quarto, sozinho, a tentar manter-me lúcido e minimamente "normal"

Ontem o meu irmão vez 30 anos e a minha mãe não lhe deu os Parabéns porque ele não nos fala, ela esta a passar por um divorcio, vai ser operada em Janeiro e descobre que tem um filho gay.....


O que vou fazer agora?

Não sei... espero ser iluminado por uma entidade superior e que me conduza a um caminho menos penoso e sombrio que tenho tido desde que tive esta minha ex-relação.

É triste ter tido uma relação com alguém que nunca sobe tratar-me como um igual, nunca sobe valorizar quem tinha a seu lado e ainda nem faz jus a sua carteira profissional...


Agora, o que vou fazer?

Vou, tentar, aguentar as pontas... não é o fim do Mundo, mas é uma situação deveras complicada...


O que preciso agora? De um abraço e de umas palavras.

Como estou fisicamente? A chorar.

Como estou psicologicamente? Tranquilo.

O que mais desejava neste momento? Sentir-me amado.


Sei que este texto não me vai sarar as feridas, nem vai apagar o que vivi... mas espero que me seja útil, ao menos, para desabafar.


É feio como tudo isto se passou em sem razão aparente... é muito triste. Triste quando alguem que nos disse que amou fazer-nos as maiores maldades e atingir-nos nas nossas maiores fraquesas.

Agora as coisas estão diferentes - já não tenho de esconder que sou gay, mas, é certo, que não vou passar a ir ás Marchas de Orgulho Gay e afins..... eheheh

Há algo engraçado no meio de isto tudo: hoje é dia 21 e tenho 21 anos e é mês 12 e estamos num ano de azar - 2013!

Mas, bem, o importante é confiar em nós mesmos e no futuro que, será bem melhor que o presente!


Beijos!

13 comentários:

  1. espero que tudo melhore daqui para a frente, ainda bem que os teus pais reagiram "normalmente", muita saúde para a tua mãe e restantes! :)

    ResponderEliminar
  2. Respostas
    1. Olá Kyle Phillipe.

      Antes de mais, agradeço o teu comentário.


      Sim, ainda bem que reagiram "normalmente"... podia ser pior lol
      Agradeço as tuas palavras e, certamente, tudo correrá pelo melhor!

      Feliz Natal e um 2014 cheio de coisas boas!


      Beijos!

      Eliminar
  3. Olá moço! Espero que as coisas melhorem para você e se não melhorarem procure se animar de outra maneira, corra atrás de algo que o faça feliz e tenta ser forte pra passar por isso.
    Eu sou novo aqui e essa é a primeira postagem sua que eu leio, aliás eu também tenho um blog, bem parecido com o seu, só que bem amador, mas isso não vem ao caso.
    Você disse "O que mais desejava neste momento? Sentir-me amado." então se sinta amado e abraçado, estou mandando minhas energias boas a você via internet!
    Abraços! haha :P

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Wesley Belarmino.

      Antes de mais, agradeço o teu comentário.


      Sim, tenho a certeza que as coisas vão melhor até porque, pior não podem estar ahahah
      Agradeço o teu amor e o teu abraço via net!

      Feliz Natal e um 2014 cheio de coisas boas!


      Beijos!

      Eliminar
  4. Bem, esta não é a melhor altura para ter tanto azar junto... há algumas coisas positivas, pelo menos. e de resto, acho que deve haver muitos abraços virtuais a darem-te força e a desejar-te o melhor. Pelo menos, é para isso que te escrevo. Além de, claro, desejar os votos comuns nesta época. Por isso, força, muita força, bom Natal e excelente 2014, melhor que 2013, sim!
    Abração!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá zoninho.

      Antes de mais, agradeço o vosso comentário.


      Concordo... não é época para tanta "festividade" mas, olhem, é o meu karma lol (devo ter sido uma péssima pessoa na outra vida)
      Agradeço os vossos abracinhos... neste momento da minha vida, fazem-me muita falta. Os abraços virtuais enchem-nos como os outros =)
      Obrigado pela vossa amizade nestes últimos anos!

      Feliz Natal e um 2014 cheio de coisas boas!


      Beijos!

      Eliminar
  5. Tudo de bom para ti. Força! Não desistas :)
    Feliz Natal.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Tiago Soares.

      Antes de mais, agradeço o teu comentário.


      Desistir? Não! =)

      Feliz Natal e um 2014 cheio de coisas boas!


      Beijos!

      Eliminar
  6. Respostas
    1. Olá Anónimo.

      Antes de mais, agradeço o teu comentário.


      Não estou bem... mas era para estar? lol

      Um 2014 cheio de coisas boas!


      Beijos!

      Eliminar
  7. o que a tua mãe está a passar, na operação, a minha mãe também passou e correu tudo bem! não é algo muito complicado e correrá pelo melhor.
    não sei o que o teu ex quer-te fazer mas.. ignora, não dês valor, despreza.
    é sempre difícil para os pais inicialmente, vais passar por alguns problemas mas tudo irá melhorar de certeza, também penso em contar à minha mãe mas estou à espera de uma melhor altura, também não seria a melhor altura para contar-lhe devido aos problemas dela.

    podes ter começado mal o ano mas vais ver que daqui para a frente será sempre a melhorar! bom dois mil e catorze.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Aaron Suzaku.

      Antes de mais, agradeço o teu comentário.

      Sim... irei ter um bom 2014 já agora, desejo-te um ano maravilhoso!


      Beijos!

      Eliminar