Dia 29 de Junho, acontecerá o 10º Jantar Anual da Blogosfera! Para mais informações ou inscrições no jantar, enviem-me e-mail: adolescentegay92@gmail.com

sexta-feira, 19 de julho de 2019

Temos validade

Olá.

Tenho medo. Cada vez mais.

Há coisas que prefiro nem saber, para não ficar neste estado. A chorar. Que nem uma criança. A vida consegue ser uma merda. Injusta. Tão injusta! Porquê tirar a vida, a quem precisa dela? Porquê a dor? O sofrimento? A angustia? O prazo de validade que, um médico, nos atribui? Que Medicina é esta, que nos dá uns meses de vida? Que Deus é este, que tira a mãe a um filho... com tempo contado!
O que sobra depois do fim?
Sábado soube que, uma prima minha (nem sei a que grau), que nem conheço pessoalmente (nem nunca falei com ela), está a morrer. Já sabia que teve cancro da mama mas, por aquilo que sabia, estava quase curada. Há uns dias andava cheia de dores no corpo (não conseguia ficar de pé), ficou incontinente e, faz amanhã uma semana que sabemos que, o médico disse que o cancro passou para os ossos e, agora, é uma questão de tempo. 6 meses a 2 anos. Ela é casada, tem filhos e, um deles, mais novo que eu. A mulher deve ter cinquenta e poucos anos. E já está condenada.

Quando soube na noticia, não me tocou muito mas, de dia para dia, tem sido pior. A família da minha mãe, já praticamente toda a gente com mais de 40 anos, já teve (ou tem) cancro... principalmente na mama. Tenho casos, na minha família, de grande luta contra este monstro... sem sucesso. É tão, mas tão triste. Sentimos-nos tão derrotados.

Cada vez ando mais sensível neste assunto. Outro dia, lanchei com uma amiga e, ela disse que o marido dela tinha morrido de cancro no fígado, há uns anos e... comecei a chorar. E depois ela também. Quando já estávamos melhores, contei o meu histórico familiar e... mais choro. Toda a Padaria Portuguesa ficou "WTF" para nós... lol

Irei a mais um enterro. Não sei quando. Não sei quem será a próxima pessoa. Mas haverá "alguém". E isto faz-me pensar tanto. Mas tanto. Sinto-me estúpido. Sinto-me infantil. Sinto-me dramático. Mas também sinto-me só. Quando sei destas coisas, prefiro não saber. Para quê lutar? Para quê a radioterapia? Para quê a decadência humana? Sinto que preciso de fumar. mas não fumo. Preciso de um vitan. Mas não posso. Tenho que manter-me equilibrado!! Equilíbrio! Tenho que aprender a lidar com as minhas emoções e, não, andar com antidepressivos. Estou sóbrio há uns anos e, quero assim continuar.

Esta minha amiga, faz voluntariado no IPO, com o objectivo de ajudar quem lá está. Eu seria incapaz. Incapaz. A vida é tão merdosa. A vida é tão fodida. A vida é tão injusta. O que poderei eu fazer? Tornar-me insensível? Não querer saber, de facto? Enquanto resposta não tenho, não tomo resposta. Continuarei a, sei lá, viver, ou lá como se diz. Sempre no fio da navalha. Sempre à espreita. Sempre com o medo de desabar tudo. Mas porque só penso em mim, e não nela? Não sei, não sei.

Por mais que escreva, fogem-me as palavras certas. Foge-me o que realmente quero dizer. Mas eu nem sei que sei o que quero saber. Estou confuso com isto tudo. Quando sabemos o nosso prazo de validade, como devemos agir? Quem podemos culpar? E como, os outros, devem agir? Porque o doente, mesmo em fase terminal, não perde a sua dignidade. E onde está a dignidade, quando estamos a morrer? Como se deixa uma vida feita, filhos... e sonhos. E os sonhos! Como se vive sabendo da verdade? Luta-se? Luta-se, pelo quê, por quem, e como? Só encontra-se a solidão, quando estamos sós. O Amor não supera tudo, porque até a Saudade é Amor. Resta-nos o fim.


Porque é Fado. Porque é Amália. Porque é, Júlio Resende.




Beijinhos e portem-se mal!! ;)

segunda-feira, 10 de junho de 2019

3 GODS

Olá!

Podem ver, até este domingo, "3 GODS", no Teatro da Trindade (bilheteiraOnline BOL)!

Quais as vantagens de ver esta peça?
> Todos os bilhetes ao mesmo preço (10€) e sem lugares marcados;
> Sessões de Quarta a Sábado às 21h30 e domingo às 17h00;
> Tem a duração de 60 minutos e sem intervalo;
> Actores (e autor) portugueses... e giros;
> Faz-nos pensar e aprender russo.

Se eu já fui ver? Claro! E, hoje, contar-vos-ei tudinho! Se não querem spoilers, é melhor que voltem a este texto, após terem visto esta peça incrível - Rui Neto, filho, estás de parabéns pelo teu texto!
3 GODS
Hera - P'ra mesa. A comida vai arrefecer. P'ra mesa.
Ares - Já vou!
Hera - Não é já vou, é já!
Zeus - Oh, esqueci-me do vinho!
Hera - Não tem mal, eu vou lá. P'ra mesa.
Zeus - Obrigado amor.
Zeus e Hera beijam-se.

Luís Gaspar é Zeus, São José Correia é Hera e, Rodrigo Tomás... Ares. Estes, vivem em Odivelas.
Fonte: LoboMau - Produções
SINOPSE
3GODS define-se como uma metáfora para os dias de hoje, onde os deuses se tornam refugiados numa Europa em crise, pronta a colapsar (eventualmente na iminência do domínio russo), tentando sobreviver como uma família de classe média. Para além da adaptação à realidade, sofrem a mesma crise de valores que o mundo à sua volta, mergulhados em conflitos, frustrações e mentiras, numa eterna busca por resgatar a memória. É um espetáculo que parte da família, como instituição para a criação de novos mundos, e as suas falhadas tentativas na busca de identidade. Encontra âncoras dramatúrgicas na mitologia, trazendo para cena o conflito de três divindades como personagens centrais.

O que poderei dizer desta peça? Acho que é mais complexa do que pode aparentar. Acho que deveria vê-la várias vezes, para a compreender da melhor forma. Assim, este comentário, é limitado ao que consegui apanhar e fui lendo (e ouvindo) sobre a mesma.
Fonte: Rui Neto
Primeiro, nunca é de mais congratular o querido Rui Neto. A peça está muito bem escrita e, na minha opinião, é urgente reflectir sobre as variáveis "rotina", "democracia" e "Rússia". Aparentemente nada têm a ver mas... têm. O Rui, para além de ser um actor competente, é um autor inteligente. Tem uma escrita suave mas afirmativa, demonstra técnica e audácia e, por isso, coragem e ainda, um terceiro conjunto de factores, sabe o que resulta em teatro e, com isso, recorre à sua própria experiência artística. A multidisciplinaridade é, assim, uma arte exímia, exercida por poucos em Portugal e, o Rui, é capaz de o fazer e, a prova, é este texto. Este, apesar de pertencer ao conjunto de artistas nascidos no pós 25 de Abril, continua a beber de uma independência que já se viu mais, e que faz falta neste país Instagramer. Os meus muitos parabéns, àquele que vai continuar a surpreender-nos.
Fonte: LoboMau - Produções
Relativamente aos actores em palco.
Bom, a São José Correia, é uma força da Natureza. É preciso acrescentar alguma coisa? Claro, as palavras, tal como os abraços, nunca são de mais para revelar a grandeza de alguém de quem gostamos. A São José, mais do que uma actriz que tem uma performance incrível em palco, tem a capacidade de levar-nos consigo, nas suas emoções. E, nós, deixamos. Confiamos no que vemos.

O Luís Gaspar, através da figura de autoridade que lhe é imposta, pelo desempenho de Zeus, demonstra uma generosidade em palco que, vidra os presentes. Para além de ser um homem lindíssimo, é mais do que isso. Porquê? Tem uma vitalidade na voz, que lhe ficará intrínseca.

O Rodrigo Tomás foi uma surpresa. Tem uma segurança em palco que deixou-me espantado. Sabemos que, fisicamente, é uma personagem que desafia a moralidade de quem vê e, isso, podendo ser reconhecida como uma imaturidade típica da sua idade, rapidamente entendemos que é de um profissionalismo reconhecido pelos pares. Este é, para mim, a maior revelação.
Em traços gerais, os actores mostraram estar ao nível do texto de Rui Neto. E isso é bom.
Fonte: LoboMau - Produções
Sobre a proposta politico-filosófica de Rui Neto, há muito a dizer. Acusa-lo de fascista ou comunista é redutor, quando o que está em análise, parece-me, algo muito maior que isso.
A ideia, apesar de boa, não me parece inteiramente nova. Já não se inventa a roda, é sabido, mas é possível parti-la (by Daenerys) e, aqui, parece ter sido dada uma "mocada" nessa história orwelliana, Mil Novecentos e Oitenta e Quatro (ver aqui). A arte serve provocar o pensamento e, com este texto, isso é possível. É, assim, um rasgo de criatividade, com boa fundamentação do século XX.

Inicialmente, a estória parece-me confusa e cheia de repetições mas, só depois, é que dou conta que tudo faz parte - somos levados para a casa, e vida, do John, Jane e Ted, que vivem em cima do café do Ulisses. Acompanhamos os desejos de Zeus, os ciumes de Hera, e os premonições de Ares. A estória ganha muito com a componente cómica, e com os "desastres" que vão acontecendo a tod@s que aproximam-se de Zeus e, em simultâneo, revela-se o crescimento de Ares e a sua vingança.

Contudo, Rui Neto, traz consigo as questões de mobilidade, tão em voga nos nossos dias. Porquê Odivelas? Porque a questão do pater familias é tão relevante no Sul da Europa? Qual o papel da mulher na sociedade e, porque motivo, esta não assume a sua força? A velha questão mundana de "cobiçar a mulher do próximo"? E as expectativas que temos em relação aos filhos? E os afectos? E, por fim, independentemente da língua que possamos falar, a nossa forma de agir permanece.

É preciso ter cuidado quando abordamos o tema da Identidade, enquanto parte de uma cultura/subcultura ou de um país. A Identidade de um país é, tradicionalmente trazida à tona por nacionalistas de esquerda e de direita e, com isso, a ideia sebastianista de um Salvador. Sou, assim, evidentemente contra a ideia de Identidade como factor karmico de um Povo (querem melhor exemplo que o de Israel?). A Identidade é uma tema difícil e, muitas vezes, evitável.
Fonte: LoboMau - Produções
Não quero com isto dizer, naturalmente, que há temas (e outros não) que devem servir como base para a criação artística. Apenas realço a importância pedagógica, que a cultura pode desempenhar, através de um lugar de destaque atribuído pela Sociedade. Deste modo, sou levado a concordar com o eu lírico presente na estória - já vivemos estes tempos, a partir do momento que já usamos várias expressões de outros países e, nem por isso, somos "descaracterizados culturalmente". Um bom exemplo disso é França. A meu ver, Rui Neto, deve continuar a desenvolver os seus pensamentos, independentemente de tipos como eu, dissermos o que quer que possamos dizer. Acredito, convictamente, que Rui Neto continuará por aqui, a apresentar as suas ideias Nostradamus e, isso é tão bom! Esta peça, que seja a semente de novos textos, com que seremos brindados futuramente!

E eu a pensar que ver-me-ia nestes preparos, numa luta de lama, com Luís Gaspar... grigri grigri




Beijinhos e portem-se mal!! ;)

P.S. - Porque motivo é que não soube do casting para fazer de Hera? Coitada da São José, teve que o beijar tantas vezes... =/

sexta-feira, 7 de junho de 2019

Vem ao 10º Jantar da Blogosfera!

Olá, boa noite!

É já dia 29 de Junho, que acontece o 10º Jantar da Blogosfera! E tu, vens?
Já está muita coisa preparada: o restaurante já está escolhido; este jantar foi divulgado, no facebook
de várias instituições LGBT portuguesas; e ainda - não menos importante -, existe adesão de leitores da blogosfera (e não apenas autores). Claro, para além disto, há surpresas a serem "cozinhadas"! =P

Em 2016 aconteceu o 7º Jantar, em 2017 o oitavo, no ano passado o nono, e como as coisas boas são para se repetir, continuamos a reservar o mês do orgulho gay - Junho! Dia 29, é dedicado aos media!
A autoria deste banner é da leitora Magg. Obrigadooo! =)
Tem sido fantástico, ao longo destas mais de 10 semanas, ver a adesão e interesse de tantos e bons bloggers que, muitos deles, nem sabia da sua existência. Tenho percebido que, muitos para além de mim, têm o mesmo interesse em reunirmos para passarmos uma noite cheia de boa conversa, comida, e fazer novas amizades - este é o mote do jantar, já aceite por vários autores da nossa praça!

Queres saber quais os blogs que vão ao jantar?! Pois, mas só saberás ao ires jantar connosco! =P

Onde será o jantar? Ainda haverá algo depois disso?
Só será anunciado publicamente o local, depois do jantar se realizar. Mas uma coisa é certa: é num ambiente acolhedor, e bem dentro de Lisboa! Claro que sim, está planeado irmos a um bar e/ou discoteca (mas só vai quem quer, naturalmente)! =D

Quem pode inscrever-se para o jantar?
Não importa se és branco ou pretohomem ou mulherheterossexual ou homossexualblogger
ou leitor - é um jantar de pessoas, onde apenas existe um pré-requisito: boa disposição!

Eu sou de longe, não tenho nenhuma "desculpa" para ir a Lisboa...
Neste dia, na capital portuguesa, haverá a Marcha de Orgulho LGBTI, organizada pela ILGA Portugal!

Mas posso inscrever-me até quando?
Bom, já te devias ter inscrito, certo?! Mas vá, tens até dia 24 de Junho para enviares e-mail
( adolescentegay92@gmail.com ) a indicares-me a vontade em participar no jantar e aí, tudo será combinado por mensagem! Podes e deves trazer a tua cara metade, ou um amigo, até porque isto é simplesmente... um jantar de pessoas divertidas, conversadoras, e que gostam de conhecer pessoas!

Sei que não vais querer faltar, pois eu e outros já confirmamos presença!
Este será o último evento do mês de Orgulho LGBT Português! Envia-me já um e-mail!

A noite de 29 de Junho será memorável pois... "dos fracos não reza a História"!




Beijinhos e portem-se mal!! ;)

domingo, 19 de maio de 2019

Eurovision Grand Final Tel Aviv 2019

Olá Olá fãs da Eurovisão!

Primeiro: PALESTINA LIVRE! Sou CONTRA a ocupação Israelita! Pela LIBERDADE agora e sempre!

Como tenho feito nos últimos anos (2009, 201220152016 e 2017), eis o meu "Relatório Opinativo" sobre a Eurovisão (poderão ver o que disse no ano passado, no que diz respeito à 1ª Semi-Final2ª Semi-Final e à Grande Final 2018)!

Antes do início da Grande Final, são entregues os prémios Marcel Bezençon.
E, estes, foram entregues nas seguintes categorias (podem ver o momento aqui):

Composer Award Mahmood, Italy
Artistic Award Kate Miller-Heidke, Australia
Press Award Duncan Laurence, The Netherlands

Só para recordar que, há dois anos, Portugal ganhou o Composer Award e o Artistic Award!

José Carlos Malato e Nuno Galopim, estiveram na cabine da Expo Tel Aviv (complemente cheia), a relatar todos os acontecimentos! "Cada pessoa", pode ligar até 20 vezes, para 760 300 8XX!

E foi assim que Israel iniciou a Grande Final deste evento! Devo dizer que fiquei com a "lágrima no olho", quando ela está perto da "pista", e toca o Hallelujah!... A Eurovisão é, acima de tudo, Amor!
Porque o Amor é de todos e para todos! Podem ver este momento aqui.
Como é tradição, decorreu o "Desfile das Bandeiras", onde todos os interpretes desfilam, por ordem de actuação. Aqui, a cultura israelita entra-nos logo através de Im Nin'Alu, de Ofra Haza (representante deste país em 1983). Canta a Netta Barzilai (2018), Dana International (1998), Ilanit (primeira participante de Israel na Eurovisão, em 1973) e Nadav Guedj (representante deste país em 2015). Gostei desta parte! A Flag Parade com vários momentos de dança e canto, torna-se muito melhor! Depois, mostraram um "Manual de Votação", em vídeo, a mostrar várias cenas antigas!... xD



Eis o meu "Relatório Opinativo" sobre a Grande Final da Eurovisão (poderão ainda ver o que disse sobre a 1ª Semi-Final e sobre a 2ª Semi-Final)!

Ao clicarem em cada país, serão reencaminhados para a actuação que fizeram nesta Grande Final!

(O postcard deste país, foi gravado em... Timna Park!)
01 Malta - Nasceu em 2001. Apesar de tantas cores tão fortes, acho que acabou por funcionar bem (teledisco). Importa, claro está, a voz, e ela tem-na. A dança e o ritmo estão certos e tudo faz muito sentido. De tanta merda que há, esta é, indubitavelmente, das melhores! Força Malta! Tamo junto!

(O postcard deste país, foi gravado em... Banias Nature Reserve!)
02 Albânia - É apresentadora de televisão. Tem um guarda-roupa extraordinário! Canta na língua materna. Tudo aquilo parece-me fado... o sentimento, as cores... gostei mesmo muito! =)

(O postcard deste país, foi gravado em... Caesarea!)
03 República Checa - Este trio de gajos giros, de clara inspiração à música do ano passado, brindou-nos com uma boa batida! Todavia, as cores...! Antes de mais, o seu guarda-roupa, faz-me lembrar os vencedores de 1984, os Herreys com a música "Diggi-Loo Diggi-Ley". Depois, as luzes ao fundo, parece que entrei numa loja de roupa barata. Querem MUITO ser jovens. Não gostei. Next.

(O postcard deste país, foi gravado em... Sea Of Galilee!)
04 Alemanha - Não são irmãs... Mas se fossem, só se estragava uma casa. A iluminação estava boa. Uma balada, como já estamos fartos de ouvir. Não é que seja má, apenas é igual às outras. =(

(O postcard deste país, foi gravado em... JERUSALEM - Tower of David!)
05 Rússia - Este cantor, nasceu em 1983 (tal como o da Suécia), já representou este país em 2016! Continua bonito que se farta... xD Esta balada narcisista, nada tem de novidade: ora grita que se desunha, ora olha para espelhos... também fico em dúvida se estou na Velocidade da Luz com Star Wars! Depois chove, e traveja, e vê-se vários vídeos dele a reagir a isso. É só parvo. Esperava mais...

Agora Bar Refaeli, conversa com o estilista Jean Paul Gaultier, sobre a Eurovisão.

(O postcard deste país, foi gravado em... JERUSALEM!)
06 Dinamarca - Canta em inglês e francês. Gosto da canção. Gosto da sua voz. Gosto da batida. Gosto do cenário. Gosto das luzes e das imagens. É uma actuação fofinha. Porque não? =D

(O postcard deste país, foi gravado em... ASHALIM - Solar Thermal Power Station!)
07 São Marino - Mais um repetente - este cantor, já representou este país, em 2016 (com uma merda de música)! Ele nasceu na Turquia, onde é conhecido actor a apresentador de televisão. Ele repete Na Na Na, 244 vezes... Se isto é Disco Sound, que volte a Tonicha! A voz dele é horrível! E lá voltam eles, com cores, só para parecer jovem e tal. Alguém que me traga uma colher, para cortar os pulsos?

(O postcard deste país, foi gravado em... Carmel Forest!)
08 Macedónia do Norte - Ela já tinha representado o país em 2008. Mantiveram os espelhos da Rússia? Mais uma balada igual às outras todas. Aquelas imagens são do quê? Obituário??? Tem boa luz, e a cor do vestido é gira. É desta que vou comer uma bolacha, e bebo um copo de leite. Fui!

Intervalo para as televisões. Enquanto isso, Lucy Ayoub fala com a participante de Malta e, Assi Azar com os representantes da Alemanha e da República Checa.

(O postcard deste país, foi gravado em... TEL AVIV Port!)
09 Suécia - Nasceu em Londres, em 1983. Aquela luz atrás dele, fez-me lembrar a Áustria. É uma batida super repetida. Nada daquilo é novo. Receita fácil, onde não há qualquer falha. Meh! =/

(O postcard deste país, foi gravado em... Ruhama Badlands!)
10 Eslovénia - Ela tem 19 anos e ele 22. É uma balada cantada na língua materna (é um plus).  As luzes, movimentos de câmara e pano de fundo - irrepreensíveis. A roupa é simples. Esta canção, é a prova provada que consegue-se fazer muito com pouco. Não é o meu género, mas tem qualidade!!!

(O postcard deste país, foi gravado em... Eilat!)
11 Chipre - Ela nasceu na Geórgia e vive na Grécia. É fã do nosso Tiago (Conan Osíris)!! Mas que raio de vestido é aquele? E as pedras, a baterem-lhe na cona, não lhe dói? Aquelas luvinhas.... a roupa preta, faz-me lembrar qualquer coisa dos anos 80...! Eu quero um daqueles Cowboys, sff! Parece que queriam seguir a receita pirómana do ano passado mas não, não conseguiram! Não gostei do que vi.

(O postcard deste país, foi gravado em... Mount Arbel!)
12 Holanda - É uma balada, que não me convence. Parece que está de pijama. Não é para mim.


A actuação após saber da vitória!

(O postcard deste país, foi gravado em... JERUSALEM - Van Leer Institute!)
13 Grécia - É advogada e nasceu no Canadá. Ela tem algo de Katy Perry, na encenação. Contudo, não gostei do guarda-roupa, nem da voz dela. É tudo muito foleiro, sei lá. É tipo isso. Não...

Neste momento Lucy Ayoub, anuncia que seguir-se-á a actuação de... Israel.

(O postcard do país anfitrião, foi gravado em... JERUSALEM!)
14 Israel - Vive perto da Arena de Tel Aviv e faz teatro. Apresenta-nos uma balada. Tem uma cara cómica e, não sei se o acho giro, apesar de gostar do laço. Acho uma barbaridade, a quantidade de seguranças que existem à volta do palco (faz-me lembrar, há uns tempos, quando tive a oportunidade de estar num local onde falar-se-ia de Segurança, e um dos oradores era o Boaz Ganor... eles nem escondias as armas de fogo!). Se gostei da canção? Apenas pergunto: e se na sua casa, já existirem outros que, ocuparam por não estar lá ninguém? Corremos todos eles ao chumbo? E falar de Paz?

(O postcard deste país, foi gravado em... Judean Desert!)
15 Noruega - Trio, onde as idades variam entre os 22 e os 39 anos. Aqui, representam a língua Sami (tal como já fizeram em 1980), com o inglês! Todos cantam bem, especialmente ela! Boa batida e bons gráficos e luzes! Canção incrível! Gostei muito... Eurovisiva? Sim! Mas óptima! =D Visto que Portugal não foi à Final, esta era a minha preferida! Noruega, foram os melhores! Parabéns!!! =D

(O postcard deste país, foi gravado em... HAIFA - Bahai Gardens!)
16 Reino Unido - Aprendeu a tocar piano através do Youtube. Quem é o autor da música e canção deste país? O representante da Suécia! Ya, bué original... e pela primeira vez isto acontece! Ele, de certo, gastou uma pipa de massa no dentista!!! Sobre a actuação: há sempre uma música melhor que a nossa. Nem a flor tatuada na mão o salvou... nem mesmo o arzinho a James Corden que este tem!

Intervalo para as televisões. Enquanto isso, Assi Azar e a Lucy Ayoub,  falam com os representantes da Macedónia do Norte, São Marino e Rússia. Porquê? São repetentes! =D

(O postcard deste país, foi gravado em... BEIT SHE'AN National Park!)
17 Islândia - Esta é a música mais hardcore desta Edição (techno punk). É também pela primeira vez, que numa música eurovisiva, há a palavra "ódio" no título de uma canção. E, por mais que me pareça estranho, gostei desta actuação. A encenação estava muito bem feita, e percebia-se onde queriam chegar. Com tanta merda que já vi nesta Primeira Semi-Final, esta não é das piores, seguramente!

(O postcard deste país, foi gravado em... TEL AVIV Beach!)
18 Estónia - Ele é sueco e foi viver para os EUA aos 18 anos. Mais uma balada ao estilo de Bad Boy... e novidades?! Uma música cheia de gritos e luzes XPTO... Ele é giro, mas não votaria nele.

(O postcard deste país, foi gravado em... JERUSALEM - Rockefeller Archaeological Museum!)
19 Bielorrússia - Que grande ménage a trois! Não gostei de nada do que vi. É um estilo em "Barbara Bandeira" mas em mau (visto que a própria já é uma merda). O que está a dar na SIC ou na TVI?

(O postcard deste país, foi gravado em... Gan HaShlosha (Sahne)!)
20 Azerbeijão - Nasceu na Rússia. Será que estou na Autoeuropa??? Tirando isso, a batida é boa, e tem a cor certa! Dá aquela vontade de bater o pé, e de ir para a rua de saltos altos! É gira! =P

(O postcard deste país, foi gravado em... TEL AVIV - The Museum of Art!)
21 França - Não sei porquê, mas ali qualquer coisa de Carlos Costa... Arranjar aquele cabelo, deve dar um trabalhão do caralho!! Depois vem uma gorda, que começa a dançar. Não bastava a outra, agora vem uma chinoise... Oh céus, agora falta vir quem? A Assunção Cristas?! Não gostei...

(O postcard deste país, foi gravado em... ASHDOD Port!)
22 Itália - Filho de pai egípcio e cantou alguns versos em árabe. Que batida óptima! Que voz incrível! Que mensagem importante! E a cena das palmas? Com total sentido! E, os bailarinos, estão lá a dançar, e não a mostrar os músculos! Itália a ser, indubitavelmente, um dos Big Five da noite! =D

(O postcard deste país, foi gravado em... EIN ZIVAN - Cherry Blossom!)
23 Sérvia - Aos 16, ela entrou para o Conservatório. Canta uma balada clássica, na sua língua materna. Gosto do vestido que usou. É impressão minha, ou os desenhos do chão eram iguais aos que foram usados pela Rússia em 2015? Não sei porquê, mas passar ou não esta canção, é-me igual.

(O postcard deste país, foi gravado em... TEL AVIV - Israel Philharmonic Orchestra!)
24 Suiça - Com 18 anos, ganhou os "Ídolos" na Alemanha. O seu estilo Ricky Martin, fez dançar toda a gente! E sim, a coreografa desta actuação, foi a mesma que Fuego! O rapaz dança bem e, os seus biceps, dão alegria à coisa. Visto que a qualidade está tão baixa (na concorrência), ele está aqui!

(O postcard deste país, foi gravado em... Jaffa!)
25 Austrália - A coroa dela, faz-me lembrar o filme/série d"O Auto Da Compadecida", da personagem "Nossa Senhora", interpretada por Fernanda Montenegro. Não achei piadinha nenhuma aos "trava-línguas", nem à "coreografia"! Admito: dançar num pau, não é para tod@s! NotNotNot!!

(O postcard deste país, foi gravado em... HAIFA!)
26 Espanha - La venda ya cayóóóóóóóó!! Que música incrível!! Só apetece dançar e pular, e andarmos ao Malhão! Tem 23 anos e que bem que ele dançaaa! Só sei que fartei-me de abanar o rabo a ouvir isto! Pus-me aos saltos, feito uma maluca, e adorei tudo! Será que a foto inspirou-me?...
Acho que estou com calores... *.*
E abriram as linhas para o televoto! Como é habito, fez-se a habitual lambidela pelas canções em competição e, enquanto o pessoal votava, algo mágico aconteceu... Ora vejam aqui mesmo! =D



Após esse momento, a nossa vizinha (Madonna!), fala com Assi Azar sobre a Eurovisão!

Intervalo para as televisões. Enquanto isso, Lucy Ayoub, apresenta o próximo momento musical - "Idan Raichel Project". Erez Tal conversa com cantor que fará dueto com Madonna - Quavo. Lucy Ayoub, apresenta o mentalista Lior Suchard e, este, fará um jogo com os representantes de Chipre, Noruega e Suiça (comemora-se os 45 anos de "Waterloo" dos ABBA)!

Logo após o intervalo, Netta, apresenta "Nana Banana"! E, depois disso... MADONNA!!!



Madonna a ser Madonna. Repararam bem na mensagem de Paz, no fim da actuação? Israel e Palestina, a dar um abraço. Sim, quer-se Paz e, através da música, isso é possível! Viram bem o dinheiro que ela ganhou? Pudera, pagar a renda de uma casa em Lisboa, não é para tod@s!!

Após o Fecho das Votações, vimos o que se pode fazer em Tel Aviv, em apenas 3 minutos! =)

Começou, tal como é tradição, a viagem pelos 41 países a concurso e, cada um deles, deu as suas votações - aqui, ganhou, Suécia (239 pontos)! Depois, no televoto, ganhou... Noruega (291 pontos)! Contudo, na soma das votações, o vencedor da noite foi... Holanda (com 492 pontos)!

Parabéns Holanda! Eis o quadro final de classificações! Portugal não passou da 1ª Semi-Final...

Para quem quiser ver toda a Grande Final 2019. E, já agora, a Press Conferece.


Beijinhos e portem-se mal!! ;)

P.S. - Este ano, na minha opinião, houve várias falhas: não só Comportamentais, bem como Técnicas. Se é tudo tão treinado, ao mais ínfimo detalhe, não é justificável alguns erros de Realização. Foi espantoso (de mau), perceber os relatos das Delegações de vários países, a queixarem-se da organização, bem como ver a falta de empatia que, alguns judeus, têm perante "os outros". =(

sexta-feira, 17 de maio de 2019

Second Semi-Final Tel Aviv 2019

Oiii fãs da Eurovisão!

Primeiro: PALESTINA LIVRE! Sou CONTRA a ocupação Israelita! Pela LIBERDADE agora e sempre!

Como tenho feito desde 2009, eis o meu "Relatório Opinativo" sobre a Eurovisão (poderão ver o que disse no ano passado aqui)! Vejam também o relatório sobre a 1ª Semi-Final 2019!

José Carlos Malato e Nuno Galopim, estiveram na cabine da Arena de Tel Aviv (desta vez, com mais gente), a relatar todos os acontecimentos! Desta vez, Portugal não poderá votar em nenhuma canção.
A melhor actuação da noite, pertenceu à "Shalva Band", com A Million Dreams
Esta 2ª Semi-Final começou com os melhores momentos (e qualificações) da 1ª Semi-Final! Não esquecer: amanhã, sábado, realiza-se a grande Final onde actuará... a nossa vizinha, Madonna!

Eis os meus apontamentos.
Ao clicarem em cada país, serão reencaminhados para a actuação que fizeram.

(O postcard deste país, foi gravado em... MASADA National Park!)
01 Arménia - É uma música Pop-Electrónica. Não gostei muito... e os tipos de Israel, só têm luz vermelha?! As rastas dela, parece-me tantoooo as do Pete Burns! Não achei piada, quando recorreram a imagens, que mostravam a infraestrutura vazia... Canta bem, mas não me alegra (nem com fogo)!

(O postcard deste país, foi gravado em... EYLOT - Palm Plantation!)
02 Irlanda - Nasceu em 1994, e canta uma canção Pop. Ela a cantar, parece que está cansada, ou que lhe falta o ar...! Vejo a música, e parece que estou no The Great American Disaster! Ela tem uma cara bonita, mas é tudo tão pobre (de espírito)... Só fiquei com vontade, de ter um batido para beber! Naaa!

(O postcard deste país, foi gravado em... ZICHRON YAAKOV'S Wineries!)
03 Moldávia - Ela tem 30 anos, e é professora de canto. Aquela coisa da areia, já não é nova! Uma rosa dentro de uma gaiola? Oh filha, queres imitar a Bela e o Monstro? Quando a fizeram desaparecer, deveria ter sido definitivo. A canção não vale nada. Acho que vou comer uma bolacha.

(O postcard deste país, foi gravado em... TEL AVIV - Israel Philharmonic Orchestra!)
04 Suiça - Com 18 anos, ganhou os "Ídolos" na Alemanha. O seu estilo Ricky Martin, fez dançar toda a gente! E sim, a coreografa desta actuação, foi a mesma que Fuego! O rapaz dança bem e, os seus biceps, dão alegria à coisa. Visto que a qualidade está tão baixa (na concorrência), ele irá à Final!

(O postcard deste país, foi gravado em... TEL AVIV - Suzanne Dellal Center for Dance!)
05 Letónia - É uma banda Indie-Pop! A cantora é bonita, mas é tudo muito simples. Faltam-me as palavras para descrever aquilo que penso. É um grande vazio, basicamente. Mais uma bolacha!

(O postcard deste país, foi gravado em... Mount Hermon!)
06 Roménia - Nasceu em 1994, mas cresceu no Canadá. Tem uma boa distribuição de palco, e tem uma boa iluminação e cenografia. Mas diz que isto é sobre cantar e tal... Mas há gajos musculados!

Pausa nas canções. O Assi Azar fala com Conchita Wurst! Lucy Ayoub fala com o tipo da Suiça.

(O postcard deste país, foi gravado em... JERUSALEM!)
07 Dinamarca - Canta em inglês e francês. Gosto da canção. Gosto da sua voz. Gosto da batida. Gosto do cenário. Gosto das luzes e das imagens. É uma actuação fofinha. Porque não? =D

(O postcard deste país, foi gravado em... TEL AVIV Port!)
08 Suécia - Nasceu em Londres, em 1983. Aquela luz atrás dele, fez-me lembrar a Áustria. É uma batida super repetida. Nada daquilo é novo. Receita fácil, onde não há qualquer falha. Meh! =/

(O postcard deste país, foi gravado em... TEL AVIV Bauhaus!)
09 Áustria - Ela tem 30 anos. E parece a Wanda Stuart! A voz dela é estranha. A canção é estranha. Parece que está a sofrer.... mas, eu, estava mais. Mas que merda foi esta? Sem palavras.

(O postcard deste país, foi gravado em... JERUSALEM - The Israel Museum!)
10 Croácia - Tem 18 anos e tem como mentor "o gordo" (que faz parte do coro). Canta em inglês e croata. É uma balada em que ele só grita só grita só grita. Nem os peitorais dos Anjos o salvam. Uma merda de actuação. Uma merda de canção. Um cenário, também, de merda. Tudo (muito) mau!

(O postcard deste país, foi gravado em... Timna Park!)
11 Malta - Nasceu em 2001. Apesar de tantas cores tão fortes, acho que acabou por funcionar bem. Importa, claro está, a voz, e ela tem-na. A dança e o ritmo estão certos e tudo faz muito sentido. De tanta merda aqui vista vista, esta é, indubitavelmente, das melhores! Força Malta! Tamo junto!

(O postcard deste país, foi gravado em... Habonim Beach!)
12 Lituânia - O rapaz é bonito. Mas não há mais nada a registar. Uma balada igual às demais. Nop!

Intervalo para as televisões. Enquanto isso, a Lucy Ayoub, fala com a participante da Irlanda e, a Bar Refaeli,  fala com o participante da Suécia.

(O postcard deste país, foi gravado em... JERUSALEM - Tower of David!)
13 Rússia - Este cantor, que nasceu também em 1983, já representou este país em 2016! Continua bonito que se farta... xD Esta balada narcisista, nada tem de novidade: ora grita que se desunha, ora olha para espelhos... também fico em dúvida se estou na Velocidade da Luz com Star Wars! Depois chove, e traveja, e vê-se vários vídeos dele a reagir a isso. É só parvo. Esperava mais...

(O postcard deste país, foi gravado em... Banias Nature Reserve!)
14 Albânia - É apresentadora de televisão. Tem um guarda-roupa extraordinário! Canta na língua materna. Tudo aquilo parece-me fado... o sentimento, as cores... gostei mesmo muito! =)

(O postcard deste país, foi gravado em... Judean Desert!)
15 Noruega - Trio, onde as idades variam entre os 22 e os 39 anos. Aqui, representam a língua Sami (tal como já fizeram em 1980), com o inglês! Todos cantam bem, especialmente ela! Boa batida e bons gráficos e luzes! Canção incrível! Gostei muito... Eurovisiva? Sim! Mas óptima! =D

(O postcard deste país, foi gravado em... Mount Arbel!)
16 Holanda - É uma balada, que não me convence. Parece que está de pijama. Não é para mim.

(O postcard deste país, foi gravado em... Carmel Forest!)
17 Macedónia do Norte - Ela já tinha representado o país em 2008. Mantiveram os espelhos da Rússia? Mais uma balada igual às outras todas. Aquelas imagens são do quê? Obituário??? Tem boa luz, e a cor do vestido é gira. É desta que vou comer uma bolacha, e bebo um copo de leite. Fui!

(O postcard deste país, foi gravado em... Gan HaShlosha (Sahne)!)
18 Azerbeijão - Nasceu na Rússia. Será que estou na Autoeuropa??? Tirando isso, a batida é boa, e tem a cor certa! Dá aquela vontade de bater o pé, e de ir para a rua de saltos altos! É gira! =P

Abriram-se as linhas de voto e, iniciou-se, a típica lambidela por todas as canções em concurso!
Durante esse tempo, ainda deu para actuar a Shalva Band. Quem são eles? O grupo que iria representar Israel este ano mas... não aconteceu. A actuação é tão bonita, recomendo que a vejam!



Seguiu-se um momento de piada, com um Mentalista. Após o fecho das votações, o Erez Tal conversou com Måns Zelmerlöw! E, a Bar Refaeli, conversou com o representante da Holanda.

Agora, mostrou-se o segundo vídeo sobre a História da Eurovisão!

Revelaram, ainda, pedaços das actuações da Alemanha, Itália e Reino Unido.
Mostraram também, um vídeo sobre a atribuição dos... Douze Points / Twelve Points! =D

Das 18 músicas, passaram apenas 10 e elas são (podem ver aqui o momento): Macedónia do Norte, Holanda, Albânia, Suécia, Rússia, Azerbaijão, Dinamarca, Noruega, Suiça e Malta.

Há 3 músicas que merecem uma especial atenção. Cada um delas é fantástica em cada categoria:
Para mim, a música mais gay é... a da Dinamarca.
A música mais Eurovisiva é, sem dúvida a... da Suiça.
Aquela que mais me conquistou e que ganhou esta 2ªSemi-Final foi...

... Noruega!



Para quem quiser ver toda a 2ªSemi-Final 2019. E, já agora, a Press Conferece.


Beijinhos e portem-se mal!! ;)

quarta-feira, 15 de maio de 2019

First Semi-Final Tel Aviv 2019

Olá fãs da Eurovisão!

Primeiro: PALESTINA LIVRE! Sou CONTRA a ocupação Israelita! Pela LIBERDADE agora e sempre!

Como tenho feito desde 2009, eis o meu "Relatório Opinativo" sobre a Eurovisão!
(Poderão ver o que disse no ano passado aqui).

E foi assim, que Israel recebeu o Mundo!



José Carlos Malato e Nuno Galopim, estiveram na cabine da Arena de Tel Aviv (com 7.200 pessoas), a relatar todos os acontecimentos!

O mote deste ano é "Atreve-te a Sonhar", e é um apelo à inclusão, diversidade, e à união. Assim, são estes os valores essenciais que definem toda a 64ª Edição da Eurovisão. Os apresentadores escolhidos pela emissora são: o Erez Tal, a Bar Refaeli, e na Green Room o Assi Azar e a Lucy Ayoub.

Em Portugal, podemos votar em 16 das 17 canções em concurso nesta 1ª Semi-Final, através do número 760 300 8XX (em vez do XX, deverá ser colocado o número da canção favorita).

Eis os meus apontamentos.
Ao clicarem em cada país, serão reencaminhados para a actuação que fizeram.

(O postcard deste país, foi gravado em... Eilat!)
01 Chipre - Ela nasceu na Geórgia e vive na Grécia. É fã do nosso Tiago (Conan Osíris)!! Mas que raio de vestido é aquele? E as pedras, a baterem-lhe na cona, não lhe dói? Aquelas luvinhas.... a roupa preta, faz-me lembrar qualquer coisa dos anos 80...! Eu quero um daqueles Cowboys, sff! Parece que queriam seguir a receita pirómana do ano passado mas não, não conseguiram! Não gostei do que vi.

(O postcard deste país, foi gravado em... Mikhmoret Beach!)
02 Montenegro - São 3 raparigas e 3 rapazes (a mai nova tem 16 anos e o mais velho 21). Descrevo-os numa só palavra: bimbos. Não gostei das roupas, nem da sua atitude em palco, muito menos das caras. Tudo mau. Thanos, estala os dedos novamente, e evapora esta actuação... obrigado. =)

(O postcard deste país, foi gravado em... RAMAT GAN - Financial District!)
03 Finlândia - É uma dupla, onde um dos integrantes é o famoso DJ Darude (autor da conhecida batida Sandstorm) e, a música, é inspirada em Nova Deli. Esta Electronic Dance Music, é engraçosa (não sei se repararam, mas a malta das bancadas, estava sentado a ouvir a música! Ahahahah). Não sei porquê, mas fiquei mais interessado na tipa que dançava de forma curiosa, como já vi antes... os nórdicos são uns tipos estranhos. É assim, por mim não passa, mas não depende de mim... =/

(O postcard deste país, foi gravado em... JERUSALEM - Mishkenot Sha'ananim!)
04 Polónia - As Tulia, são um grupo de 4 cantoras que, ficaram conhecidas em 2017, por terem interpretado a "Enjoy The Silence" dos Depeche Mode. Desta vez, cantam em polaco! Gosto do guarda-roupa (aquela renda inicial, era um bocado fetichista... acho eu)! Gosto do ritmo (tem ali algo de Rock?!) e das imagens em pano de fundo! Isto é a Eurovisão: orgulho na diferença! Sim! Sim! Sim!

(O postcard deste país, foi gravado em... Ruhama Badlands!)
05 Eslovénia - Ela tem 19 anos e ele 22. É uma balada cantada na língua materna (é um plus).  As luzes, movimentos de câmara e pano de fundo - irrepreensíveis. A roupa é simples. Esta canção, é a prova provada que consegue-se fazer muito com pouco. Não é o meu género, mas tem qualidade!!!

(O postcard deste país, foi gravado em... Caesarea!)
06 República Checa - Este trio de gajos giros, de clara inspiração à música do ano passado, brindou-nos com uma boa batida! Todavia, as cores...! Antes de mais, o seu guarda-roupa, faz-me lembrar os vencedores de 1984, os Herreys com a música "Diggi-Loo Diggi-Ley". Depois, as luzes ao fundo, parece que entrei numa loja de roupa barata. Querem MUITO ser jovens. Não gostei. Next.

Intervalo para as televisões. Enquanto isso, o Assi Azar e a Lucy Ayoub,  falaram com as participantes do Chipre e da Polónia.

(O postcard deste país, foi gravado em... Beit Guvrin National Park!)
07 Hungria - Este marmanjo, já representou a Hungria há 2 anos, em Kiev, com uma música brutal! Volta a cantar na sua língua materna! É tudo muito fraco. Mas gostei do pendente que estava a usar.

(O postcard deste país, foi gravado em... JERUSALEM - Rockefeller Archaeological Museum!)
08 Bielorrússia - Que grande ménage a trois! Não gostei de nada do que vi. É um estilo em "Barbara Bandeira" mas em mau (visto que a própria já é uma merda). O que está a dar na SIC ou na TVI?

(O postcard deste país, foi gravado em... EIN ZIVAN - Cherry Blossom!)
09 Sérvia - Aos 16, ela entrou para o Conservatório. Canta uma balada clássica, na sua língua materna. Gosto do vestido que usou. É impressão minha, ou os desenhos do chão eram iguais aos que foram usados pela Rússia em 2015? Não sei porquê, mas passar ou não esta canção, é-me igual.

(O postcard deste país, foi gravado em... Mitzpe Ramon!)
10 Bélgica - Ele tem 18 anos e, o autor desta música, é o mesmo de 2017. Gosto da batida, do som, as luzes, do palco... apenas acho que deveria ser cantada por alguém com uma voz mais grave...! Ele é tão miudinho a cantar, precisava ali de uma força na voz que ele, evidentemente, não tem. =/

(O postcard deste país, foi gravado em... Acre!)
11 Geórgia - Tem 30 anos e é tanto conhecido na Geórgia, como na Ucrânia. A melancolia não me cativa. Ele tem uma boa voz (canta na língua materna), mas nada aquilo é interessante. =(

(O postcard deste país, foi gravado em... Jaffa!)
12 Austrália - A coroa dela, faz-me lembrar o filme/série d"O Auto Da Compadecida", da personagem "Nossa Senhora", interpretada por Fernanda Montenegro. Não achei piadinha nenhuma aos "trava-línguas", nem à "coreografia"! Admito: dançar num pau, não é para tod@s! Not! Not! Not!

Intervalo para as televisões. Enquanto isso, a Lucy Ayoub e a Bar Refaeli,  falaram com os participantes da República Checa e da Bélgica.

(O postcard deste país, foi gravado em... BEIT SHE'AN National Park!)
13 Islândia - Esta é a música mais hardcore desta Edição (techno punk). É também pela primeira vez, que numa música eurovisiva, há a palavra "ódio" no título de uma canção. E, por mais que me pareça estranho, gostei desta actuação. A encenação estava muito bem feita, e percebia-se onde queriam chegar. Com tanta merda que já vi nesta Primeira Semi-Final, esta não é das piores, seguramente!

(O postcard deste país, foi gravado em... TEL AVIV Beach!)
14 Estónia - Ele é sueco e foi viver para os EUA aos 18 anos. Mais uma balada ao estilo de Bad Boy... e novidades?! Uma música cheia de gritos e luzes XPTO... Ele é giro, mas não votaria nele.

(O postcard deste país, foi gravado em... The Dead Sea!)
15 Portugal - Canta na língua materna. Tem um tom étnico e de fado. Excelente coreografia, bem como as imagens de fundo! Guarda-roupa incrível! Final arrepiante! Sem dúvida, a melhor de todas!
Conan Osíris (Tiago Miranda) e João Reis Moreira
(O postcard deste país, foi gravado em... JERUSALEM - Van Leer Institute!)
16 Grécia - É advogada e nasceu no Canadá. Ela tem algo de Katy Perry, na encenação. Contudo, não gostei do guarda-roupa, nem da voz dela. É tudo muito foleiro, sei lá. É tipo isso. Não...

(O postcard deste país, foi gravado em... ASHALIM - Solar Thermal Power Station!)
17 São Marino - Mais um repetente - este cantor, já representou este país, em 2016 (com uma merda de música)! Ele nasceu na Turquia, onde é conhecido actor a apresentador de televisão. Ele repete Na Na Na, 244 vezes... Se isto é Disco Sound, que volte a Tonicha! A voz dele é horrível! E lá voltam eles, com cores, só para parecer jovem e tal. Alguém que me traga uma colher, para cortar os pulsos?

Abriram-se as linhas de voto e, iniciou-se, a típica lambidela por todas as canções em concurso!
Durante esse tempo, ainda deu para mostrar a actuação de Dana Internacional, a cantar "Just The Way You Are" de Bruno Mars... um momento muito romântico e cheio de beijinhos!!! Vejam-no! =D



Seguiu-se uma bonita homenagem à canção "Abanibi", 1978. Após o fecho das votações, a Lucy Ayoub conversa com o cantor da Estónia, e o Assi Azar com Portugal (onde até se fez um brinde)!

Intervalo para as televisões. Aqui, mostrou-se este vídeo sobre a História da Eurovisão!
Ainda durante o intervalo, e depois do vídeo, o Assi Azar conversou com Netta Barzilai.

Quando voltaram, mostraram ainda pedaços das actuações de EspanhaFrança e Israel.

Das 17 músicas, passaram apenas 10 e elas são (podem ver aqui o momento): Grécia, Bielorrúsia, Sérvia, Chipre, Estónia, República Checa, Austrália, Islândia, São Marino e Eslovénia.

Há 3 músicas que merecem uma especial atenção. Cada um delas é fantástica em cada categoria:
Para mim, a música mais gay é... a da Islândia.
A música mais Eurovisiva é, sem dúvida a... da Polónia.
Aquela que mais me conquistou e que ganhou esta 1ªSemi-Final foi...

... Portugal!



Para quem quiser ver toda a 1ªSemi-Final 2019. E, já agora, a Press Conferece.


Beijinhos e portem-se mal!! ;)

sexta-feira, 12 de abril de 2019

The North Remembers

Olá!

Rendi-me ao Rei do Norte e aos cuspidores de Fogo! Rendi-me ao ódio à Cersi e ao Ramsay! Rendi-me à coragem da velha Tyrell e ao trocadilho do Hodor! Festejei a morte do Rei Joffrey, e senti-me motivado quando via a Senhora Mormont. Sou, enfim, humano. "Guerra dos Tronos", é do caralho!
O bicho vai pegar...
Domingo, estarei às 2 da manhã, a ver o canal SyFy. Para quê? VOCÊS AINDA PERGUNTAM O MOTIVO? Para ver o primeiro episódio da última temporada da "Guerra dos Tronos", já com legendas! OMFG! Esta série é espectacular! Tanto me dá um para chorar de alegria e de tristeza! E a vocês?

Eis o "Casamento Vermelho". A cena mais forte das 7 Temporadas já exibidas! Isto é GOT!! =D

(é impossível ver estes 5 minutos sem chorar... é por isso que tanto amamos esta série!)

Penso que importa começar como fiquei fã da série. No final de Julho de 2017, aquando da exibição da 7ª Temporada da série, havia imensa publicidade em todo o lado, e toda a gente falava disto. Decidi: tenho de ver isto. A 1ª Temporada, para mim, foi super aborrecida mas, obriguei-me a ver todas as temporadas e, depois... via em média uma temporada POR DIA! Fiquei super fã, ao longo do desenrolar da estória! É mesmo incrível! O argumento é maravilhoso! Actores incríveis!  Efeitos especiais ao nível do melhor que há! E ganchos que prendem o telespectador mais desatento! Óptimo!

De todos os grandes vilões da série, para mim o pior é este - Ramsay Bolton!!!

(Cabrão, sádico, violador, castrador, assassino... a morte dele foi uma benção!)

Não quero falar muito mais, nem dar mais spoilers, mas o que é certo (garanto-vos), é que esta é a melhor série televisiva de todos os tempos! Tem sexo, traições, política... todos os ingredientes para uma série brutal! Ainda vamos ver a capacidade dos 62 homens da Casa Mormont... eles farão a diferença! xD Quais as minhas apostas para a 8ª Temporada? O Bran é o Rei da Noite (ou terão uma ligação muitíssimo próxima), a Cersi morre pelo Jaime e quem fica com o Trono de Ferro é... a Arya (a cara dela, apenas) só para agradar à mulher do George R.R. Martin (e os dragões deixam uns ovos)!

Foi preciso esperarmos até ao fim, para vermos a morte do maior fofoqueiro da série! Cool! =D



Beijinhos e portem-se mal!! ;)