Dia 3 de Junho, acontecerá o 8º Jantar Anual da Blogosfera! Para mais informações ou inscrições no jantar, enviem-me e-mail: adolescentegay92@gmail.com

segunda-feira, 31 de outubro de 2016

1ª vez TRUMPS

Oiiiii!

Aquando do 7º Jantar Anual de Bloggers, disse-vos que a noite estava a começar, mesmo após o fim do encontro e, hoje, irei continuar a relatar-vos a noite que foi... memorável! =D

Do grupo inicial, nem todos rumamos ao Bairro Alto: apenas eu, a leitora Magg, a Queering Style, o No Limite do Oceano e o seu mais que tudo, e ainda o Um Deus Caido do Olimpo, é que fomos para a mesma rua e bar onde estivemos no mês passado.
Após estarmos a falar durante cerca de 2 horas, o grupo foi-se dissipando, restando apenas 3 e um convite no ar: e que tal irmos ao Trumps (que faz anos no mesmo dia que eu)? Óbvio que aceitei!

Ficamos mais um pouco no Bairro e, rumamos ao... WoofLX! Que sonho concretizado ahahah!

Vocês sabem que A-DO-RO homens musculados, masculinos, grandes (não gordos!) e... charmosos; assim, ir ao Woof, foi um paraíso na terra (um paraíso bem peludo, diga-se! Ahahah!).

De lá, morri de amores por um jovem barman (talvez da minha idade), de boné, que fartou-se de me piscar o olho. Mas, antes de vos contar mais, deverão querer saber quem ficou comigo até de manhã... foi o'No Limite do Oceano e o seu mais que tudo (o que fartamos de nos divertir)! =D
Continuando: estávamos nós neste bar e, vendo os vários "piscar de olho" à minha pessoa, o casal que me acompanhava perguntou-me: De onde é que o conheces? Ele está interessado!.... eu: não o conheço... mas é bem giro...! Ofereceu-nos um shot mas, como queria manter aquele sonho real, não o bebi... na saída do bar, fizemos uma vénia com a cabeça um ao outro. OMFG ele é TÃO BOM!!! =O

E a marcha seguiu. Eram praticamente 4:30h quando entramos no Trumps. Pagamos os 12€ de entrada e lá fomos. Eu e o No Limite do Oceano,nunca tínhamos lá ido e, assim, estávamos completamente a absorver aquele espaço mítico da capital portuguesa.

Entrando, apercebemos-nos de uma sala simpática com uns sofás mas, o nosso interesse estava ao fundo das escadas (que era de onde vinha a música)! Descemos e viramos à esquerda, a sala onde se pode fumar e que estava cheíssima! Após estarmos lá alguns minutos e, sendo impossível chegar ao balcão para pedir as bebidas que tínhamos direito, fomos à sala ao lado (da direita), sem fumo.

Lá, apesar de estar igualmente cheia, foi mais fácil chegarmos às bebidas. O que bebi? O de sempre: uma vodka preta que estava divinal! Entre uns passos de dança ali e outros na outra sala, a noite foi passando, tal como os homens lindos que lá havia...

Naquela noite, havia poucos homens que faziam o meu género mas, houve um que... OMFFFFG!
Ele era tudo de bom: alto, grande (de ginásio), com vinte e muitos/trinta e poucos, lindo e com cara de malandro... pronto para fazer alguma naquela noite! No Trumps, ele esteve ao meu lado mas, tudo aconteceu, já depois das 6h, e à porta da discoteca...!

Na rua, ele estava a falar com uns tipos e, estava eu com o casal ao meu lado quando ele chega-se ao pé de mim e disse... opáh, ele ia chegar-se ao pé de mim! Aquele gajo fantástico estava na minha direcção!! Vá, confiança... e diz alguma coisa inteligente! - pensei eu naqueles segundos! Com passos um pouco tortos, ele vinha aí (Oh porra, e não é que vem mesmo??? Vá, calma, calma! E ele continua a vir!! Oh meu deus! Oh meu deus!! Calma, calma! Oh porra, ele ele vem mesmo falar...) e ele sai-se com esta pérola: não é por ele estar com o namorado ao lado, que não o vou beijar.

Grigri grigri. Ok, é oficial: os gajos giros apenas têm serradura na cabeça. Ele estava a atirar-se a um outro gajo que tinha namorado. Mas porque raio eu só tenho quedas destas? Será que ele disse aquilo por "apenas" estar um pouco tocado? Mas quem era ele? Como se chamava e o seu apelido?
Não sei, mas a sua imagem ficou bem colada à minha retina: lindo de morrer, que ficava muito bem ao meu lado... Ahahah! Oh se ficava!! Mas, lá está, convinha ser um pouco menos nabo!!! =/

E a noite acabou! Foi tão bom ter terminado a noite com dois novos amigos e, ter um jantar incrível.
Obrigado a todos pela confiança e... em 2017, realizar-se-á um novo jantar anual de bloggers! =D

Porque sim, abanei o meu mega rabo no Trumps, ao som desta música! =P




Beijinhos e portem-se mal!! ;)

sexta-feira, 28 de outubro de 2016

Obrigado Pete Burns

Boa noite.

No último domingo, morreu Pete(r) Burns. Estou tão triste.

Conheci-o através desta publicação, onde o blogger gozava com a música que ficou várias semanas no TOP de vendas no Reino Unido, nos anos 80.
Ouvi e gostei e, desde aí, ficou como um dos meus ídolos musicais.
Não quero dar-vos uma lição da sociologia da música, ou como é que a banda "Dead Or Alive" influenciou millões de pessoas em todo o mundo... especialmente no Japão mas, ele é fantástico! Dediquem algumas horas a pesquisarem, e a aculturarem-se, sobre este cantor que é um icon gay!

Adoro-o. Tenho-o então grande estima que, em 2012, equiparei-o à Madonna. Pete Burns é, para mim, um ídolo; é graças às suas músicas, atrevimento em palco, e ao facto de ser tão "desbocado", que me fez apaixonar por ele. Um dos meus sonhos era conhece-lo (ir a um concerto, por exemplo) e era "tão" fácil, estava aqui ao lado, até com o mesmo fuso horário que nós!... Mas agora, já não dá.

Boy George já comentou numa entrevista (que podem ver aqui) a relação que tinha com este cantor que, o acusou de plágio... Fico triste que a Madonna, ou outros cantores da mesma faixa etária e género musical, não tenham comentado. Nem na comunicação social portuguesa deram importância!

Ele continuará a marcar a minha vida. As suas músicas e a sua frontalidade, irão fazer-me rir e encantar, por muitos anos... Obrigado, Pete, por ajudares-me a crescer. Obrigado por teres existido.

Através deste video, poderão saber um pouco mais da vida deste cantor tão... freak unique!




Beijinhos e portem-se mal!! ;)

quarta-feira, 26 de outubro de 2016

MOTELx 4/4 2016

Boa noite!

E hoje chegamos ao fim. Esta é, a quarta e última publicação sobre o MOTELx 2016.
Depois do dia 8, dia 9, e do dia 10 de Setembro serem relatados, hoje irei fazer as últimas duas críticas, correspondentes ao último dia de Festival. Mas vamos já a isso, sem perder mais tempo!
Eis os bilhetes dos filmes que fui ver dia 11 de Setembro, no MOTELx
In a Glass Cage (espanhol, de 1987), conta a história de um antigo médico de um campo de concentração nazi que abusava, torturava, e matava jovens rapazes. Depois de uma tentativa de suicídio fracassada, onde vivia actualmente e discretamente, fica ligado a uma máquina. A certa altura, aparece um jovem (Angelo) com o intuito de cuidar dele mas, as suas intenções eram outras...



O filme não é tão mau quanto o anterior todavia, continua a não ser bom (talvez seja dos planos fechados, não sei). Acaba por contar uma história com alguma (só alguma) lógica. Essencialmente, o Angelo foi violado pelo médico nazi e, agora, volta com o intuito de torturar, sendo ele também pedófilo e, fazendo com que a filha do médico, também o seja... Confundindo e baralhando: o médico nazi morre e, o Angelo, acaba por ter a seu lado a filha do tal nazi (e futura pedófila)... O filme acaba por ser um thriller, dos anos 80. Para a época, penso que não estivesse sido mau de todo... =/

E passemos para o segundo melhor filme deste Festival (o melhor foi o Under the Shadow)!



K-Shop (do Reino Unido), deste ano, conta a história de um jovem que está a acabar a sua tese e, por um acidente do seu pai, é forçado a voltar ao Reino Unido, onde vai ajudar a loja de kekab familiar. Após a morte do pai por uma discussão com uns jovens alcoolizados, o jovem resolve manter o restaurante aberto e acaba vingar a morte do seu pai... a vingança pode ser servida num kebab! LOL

O filme é muito bom! Durante o filme temos a sensação de já termos visto isto em algum lado (Sweeney Todd) mas, acaba-se por deglutir a "invenção" gastronómica. Todavia, o filme passa uma mensagem muitíssimo importante e que, através de algum humor, transmite-se: os excessos dos jovens (britânicos, neste caso) em relação ao álcool, à xenofobia, e ao sentimento generalizado de injustiça... Gostei do filme, não tanto pela sua aparência, mas pela sua mensagem (acabei por ter pena que o protagonista [que estava na nossa sala do MOTELx!], tivesse morrido...)!

Ao longo das tardes passadas no Cinema São Jorge, pude ver imensos actores, actrizes, músicos, realizadores, gente famosa, e gente-onde-não-tem-onde-cair-morta mas o que importa, é que todos nós, gostamos de cinema - e logo eu que detestava filmes de terror... Ahahahah! xD

Vem aí uma rubrica de sonho...
O barco mexicano Cuauhtémoc
                                                                                                                 ... mas só em 2017! =)


Beijinhos e portem-se mal!! ;)

segunda-feira, 24 de outubro de 2016

2vez 1º Mês de aulas

Olá!!

E já passou o primeiro mês de aulas... novamente! No ano passado, e por esta altura, já tinha tido uma bela confusão com um rapazito da minha turma e, fazendo ponto de situação do assunto então exposto, posso dizer que nada mudou: ele continua a trabalhar na mesma discoteca gay. Enfim.
O que posso contar deste primeiro mês de aulas, neste novo curso e nova faculdade? Não sei...
Pouco (ou nada!) se alterou em relação ao que disse sobre a primeira semana de aulas.

Sobre o rapaz que julgava ser gay - acho que não o é (tem namoradA)! Eu bem digo que tenho o gaydar avariado (aliás, acho que sempre esteve)! Depois há uns moços que me dou muito bem, mas não me parece que sejam gays!... um deles tem um sorriso lindo... Vamos ver como corre! =/

Sobre as aulas: mais do mesmo. Já pedi equivalências agora é ver se me dão (mas o meu dinheiro foi na frente! LOL)! Tenho algumas cadeiras semelhantes e, por isso, acabo por não estar muito entusiasmado com este primeiro semestre.

A turma sendo enorme, não dá para grandes ligações... ainda hoje soube que tenho colegas de turma que eram da minha faculdade anterior... e a malta ainda anda a conhecer-se! Ahahah Por um lado ainda bem que assim é, não há grandes confianças e eu gosto disso! =)

Hoje, uma colega minha ofereceu-me Toranja, para provar... ela disse que era muito doce...
A gaja enganou-me e pôs-se a rir! Aquilo é super amargo!!! NÃO COMAM TORANJA!!! Ahahah!

E porque acabei de saber que ontem, domingo, morreu um dos meus ídolos musicais: Pete Burns.

Há uns anos, publicava musicas dele com bastante frequência mas, é sem qualquer dúvida, um dos grandes cantores dos anos 80 e, deixo-vos com a sua mais famosa música... ='(




Beijinhos e portem-se mal!! ;)

sexta-feira, 21 de outubro de 2016

7º Jantar de Bloggers

Olá!

E foi no passado sábado, que aconteceu o 7º Jantar Anual de Bloggers, em Lisboa. Em Julho anunciei o acontecimento, em Setembro lancei novidades e, ao longo deste tempo, organizei pela primeira vez, um jantar de grupo (sim, nunca o tinha feito!). Mas, sem mais delongas, abro as portas e sejam Bem-vindos ao 7º Jantar Anual de Bloggers LGBT's e Simpatizantes!!!
O grupo a beber caipirinhas, antes do início do jantar
Não imaginam o trabalho que isto deu. Bom, mas não me arrependo! Ahahah! Consegui o que queria - reunir bloggers! Mas agora vocês perguntam-me: Mas conta lá, quem é que foi ao jantar? E eu digo!

> As Aventuras de Mark (que já escreveu sobre o jantar, aqui)
mas tu és tudo e tivesse eu casa tu passarias à minha porta (que já escreveu sobre o jantar, aqui)
Um Deus Caido do Olimpo (que já escreveu sobre o jantar, aqui)
No Limite do Oceano (que já escreveu sobre o jantar, aqui)
> O mais que tudo d'No Limite do Oceano
> João Roque (autor do blogue inactivo Why Not Now e organizador das edições anteriores do jantar)
Queering Style
> Magg (a leitora que todos pensavam ser um homem mas, afinal... é uma mulher [e que mulher!])

Da lista que estão a ver em cima, havia um convidado muito especial, o João Roque. Nunca mencionei o nome dele, ao longo das 10 semanas de organização do jantar pois estava a preparar a sua ida, como "convidado surpresa". Foi muito bom poder contar com a sua presença e com as histórias que partilhou connosco. Após as saudações iniciais, e o associar uma cara ao blogue correspondente, foi altura de entrarmos no restaurante, já com uma caipirinha bebida!
Eis o que tínhamos à nossa frente!
Todos os lugares da mesa já possuíam uma pequena lembrança do jantar mas, o melhor deste início de jantar, foram as entradas. Eu e o Mark (desculpa a inconfidência, 'tá?!) devoramos o pão com o paté e manteiga que estavam mais próximos de nós... que delícia! *.*

Por entre uma trinca, e um gole de sangria (ou de Ice Tea, my case), começamos com a troca de experiências e os sorrimos de "Ahh... então és tu que escreve isto ou aquilo!...". De todo o grupo, apenas não conhecia os últimos 3 da lista (os outros já os tinha conhecido em Setembro) e, para as últimas duas da lista, não conheciam mesmo ninguém (mulheres de coragem, hein?!)!

Comemos Bacalhau com Broa e Arroz de Pato, que estavam divinais! Mas, entre os dois pratos, o meu preferido foi o Bacalhau com Broa... estava excelente (ah, é verdade - o jantar custou 17€)! =D
A mesa, os participantes, e as nossas bebidas
Ao longo da noite, foi possível irmos trocando de lugares e, assim, todos conseguimos pôr a conversa em dia! Do que se falou? De nós, de blogues (admito, a Magg levou um workshop da minha parte! Ahahahah!), do futuro, e do nosso dia-a-dia. Depois de jantados e do café tomado, já por volta das 23:20h, era altura de abalarmos dali, pois a noite ainda ia começar (e que noite me esperava!)!

Agora, os agradecimentos. Ao restaurante Frei Contente, por nos ter recebido tão bem no seu estabelecimento e, claro, aos funcionários (giros!) e à gerência! Ao CheckpointLX, à Associação Rede Ex Aequo, e aos Blogs Portugal, por terem divulgado este evento anual! MUITO OBRIGADO! =)
A tradicional foto de grupo... aos pés! =)
E agora, fica tudo assim? Pomos a amizade debaixo do braço e esperamos "por melhores dias"? Não!

Na Primavera de 2017, irá realizar-se... o 8º Jantar Anual de Bloggers!

Como se vai processar?
Bom, têm até dia 30 de Novembro para responderem a este inquérito, que visa um pequeno estudo para a preparação do próximo jantar que será, no mínimo, tão bom quanto este! =)

Quem pode responder ao inquérito?
Todos, pois haverá uma pergunta que separará quem esteve (ou não) no jantar.

Podes, desde já, indicar o teu interesse, enviando-me e-mail (adolescentegay92@gmail.com) onde no assunto deve constar "Quero ir ao 8º Jantar de Bloggers!"! Mais uma vez, será aberto a não-bloggers!

Para terminar (juro!), quero agradecer a todos os bloggers, participantes ou não, por se terem associado a esta iniciativa. Agradeço o carinho de todos. Muito obrigado por tudo... foi incrível! =)

A música deste jantar, Come With Us e... até ao 8º Jantar Anual de Bloggers! Participem! =D




Beijinhos e portem-se mal!! ;)

quarta-feira, 19 de outubro de 2016

MOTELx 3/4 2016

Olá, como estão?

Depois de vos ter falado do dia 8 de Setembro, e do dia 9 do mesmo mês, no que diz respeito aos filmes que vi aquando do Festival internacional de cinema de terror de Lisboa (MOTELx), hoje é dia de mais filmes mas, desta vez existe um filme muito mau e, outro filme excelente!
Eis os bilhetes dos filmes que fui ver dia 10 de Setembro, no MOTELx
The Strange Case of Dr. Jekyll and Miss Osboune (francês, de 1981), retoma uma história escrita por um viciado em cocaína e, deste modo o realizador mostra uma acção que se desenrola numa só noite, onde o protagonista mergulha num banho de produtos químicos para emergir num monstro. Este filme também é conhecido por "Docteur Jekyll et les femmes" e é uma obra do cinema surrealista.



O filme é mau. Não é mau, é péssimo. Quando terminou, ninguém da sala (que estava lotada!) bateu palmas. Foram os 90 minutos mais mal empregues das nossas vidas. Como vos hei-de explicar... o filme é completamente lento (para não dizer parado!), onde tudo é esticado ao máximo, sem o mínimo de sentido. O argumento é fraco, as personagens acéfalas... mau, mau, mau!!!!
O que não era mau, era o tipo tatuado, com cera no cabelo e com pulseiras no pulso, e que estava acompanhado pela sua namorada... o tipo sentou-se ao meu lado e... OMFG, que pão!!!! *.*

A curta, Por Diabos (de Portugal, 2016), conta-nos a história sobre uma professora desaparecida blábláblá - boring!!!!! Felizmente, a longa que viria a seguir, foi magnífica!! =)
Este, para mim, foi o MELHOR filme dos 8 que vi, no MOTELx!



Under the Shadow (da Jordânia, Catar e do Reino Unido), deste ano, conta-nos uma história vivida em 1988, em Teerão, aquando do 8ºano do conflito Irão-Iraque, juntamente com a revolução no seu país, e que afectam a relação de uma mãe e filha. Enquanto lutam para se manterem juntas, uns espíritos parecem ter entrado no seu apartamento e, a partir daí, a mãe pensando que os espíritos querem a sua filha, confronta-os.

O filme é espectacular! Tem poucos mas bons sustos (imaginem toda a sala Manoel de Oliveira a saltar da cadeira, quando uma mão agarra o pescoço da mãe da catraia), uma densidade crescente ao longo da trama, uma história local e, simbolicamente, a lona com que ela tapa o buraco do tecto, transforma-se numa burca que é usada pelos espíritos... brilhante, brilhante, brilhante! Recomendo!

É já na próxima semana que esta rubrica termina mas, sem antes irmos a um restaurante de kebabs!


Beijinhos e portem-se mal!! ;)

segunda-feira, 17 de outubro de 2016

Cidade-Aconchego

Boa noite.

Devia ser inventada a expressão "cidade-aconchego". Se tal fosse inventada, poderia fazer copy past da sua definição mas, devido à sua inexistência, terei de escrever este texto.

A vida dá voltas. Tantas. Mas tantas. E continua a dar voltas. E, eu, sinto-me numa centrifugação.

Sinto-me sem reacção. Sinto-me incrédulo e cansado. Sinto-me fraco e desapaixonado. Não acredito.
Só há algo que não me desencanta. Lisboa.
Praça dos Restauradores, hoje à tarde.
Hoje, resolvi sentir o aconchego da minha cidade - precisava de mimos. Resolvi então, subir a Avenida sentido Restauradores - Marquês de Pombal. Durante 1 hora (entre passos pensativos, e imagens perpetuadas), naveguei entre os meus problemas, e o Amor incondicional da minha cidade.

Há problemas sem solução e, eu, tenho de me resignar ás evidências. Mas eu não quero... mas tem de ser. Se não desisto, sofro (ainda mais). Perdi tanta coisa. Descobri tanta coisa. E eu? Serei o mesmo?

Se as circunstancias mudam, nós também mudamos. Mudamos? Há tantas perguntas que não tenho resposta, como tantas verdades tinha que afinal não passavam de pó, de tão velhas que eram.

Porque a vida é tão complicada? Reformulo: porque a vida não é pura, sem malícia e com verdade?
Praça do Marquês de Pombal, hoje à tarde.
Mas voltando ao aconchego. Sinto falta de um abraço. Sinto falta daquele abraço. Neste momento da minha vida, ninguém me pode dar. Não acredito em ninguém o suficiente, para me sentir aconchegado naquele...abraço. Hoje precisava dele. Hoje não queria frases feitas, ou avisos, ou motivação, ou um sorriso - queria UM abraço... mas não tinha ninguém que mo desse. Estava só.

Não desisti. Vesti-me, sai de casa e perfumei-me - ia ter um encontro... ia encontrar-me.

Descobri que, para desatar os meus nós, nada melhor do que eu próprio e a ajuda de um aconchego da minha cidade. Amo Lisboa. Amo e sei que não me desencantarei por ela. Ainda este sábado, eu e o Limite do Oceano, conhecemos um espanhol que dizia que amava Lisboa, mais do que outra cidade no Mundo. E ele tem razão. Lisboa aconchega quem chega a ela, sem exigir nada. E senti...

... o cheiro do abraço, era das castanhas. O arrepio que sentia, era do passado. Os lábios que se tocavam, eram os meus. Os braços que se apertavam, era do medo. Mas quem aconchegava, era Lisboa.

Cristalizem o Amor. Por favor.




Beijinhos e portem-se mal!! ;)

sexta-feira, 14 de outubro de 2016

Jantar de ensaio

Olá!

E ele estava cá, em Lisboa. Após vários e-mails trocados (e uma grande coincidência), fui conhecer o autor do Good blog Bad blog (e o seu mais que tudo), mas mal sabia que mais iria acontecer!...

No dia 17 de Setembro, no inicio da tarde, fui conhecer no Príncipe Real, este casal portuense. Após alguns minutos de conversa, fui convidado para ir tomar um café com outros bloggers que estavam ali em baixo, na Avenida da Liberdade. E eu, que sou um gajo curioso lá fui, rumo ao desconhecido!
Chegamos a uma esplanada perto do Cinema São Jorge, e estavam umas mesas ocupadas de gente que não conhecia pessoalmente mas que, já lia há muito! E de imediato, comecei a associar uma cara ao trabalho destes. Mas quem lá estava?

> Um Deus Caído do Olimpo
Mas tu és tudo e tivesse eu casa tu passarias à minha porta
> As Aventuras de Mark
> No Limite do Oceano (e o seu mais que tudo)

Foi, desta forma uma enorme surpresa conhecer todas as pessoas, sem nada ter sido combinado previamente! O que eles estavam lá a fazer? Iam ao Queer, ver o Absolutely Fabulous (que depois também acabei por ir lol)! Durante o tempo que tomamos café, na Avenida (sitio chiquíssimo!), estivemos a falar do jantar de bloggers e, de nós. Estavam assim reunidas 8 pessoas que têm como interesse a cultura, a vida e, as pessoas, como o seu bem mais precioso.

Depois do filme, surgiu outro convite - e que tal jantarmos juntos? Para o jantar, não tivemos a sorte de ter a Margarida, nem o Mark mas, tivemos um outro blogger que ninguém conhecia - o PM. .PP! Assim, rumamos ao Bairro Alto e, sem qualquer reserva (e muita procura!), achamos um simpático restaurante Alentejano! Após muita comida boa e conversa ainda melhor, surgiu naturalmente a ideia de irmos beber um copo ao Bairro e eu, lá fui, again (andava uma galdéria!!!!). xD

Fomos para a rua gay do Bairro Alto que, sinceramente, não conhecia! Após beber uma vodka preta e, já perto da 1h da manhã, eu e o PM. . PP, resolvemos ir embora e, visto que o metro já estava encerrado, ele mostrou ser um cavalheiro e trouxe-me a casa (já se fazem poucos destes! Ahahah)!

Após este jantar de antevisão, já sabemos como vai ser amanhã o 7º Jantar Anual de Bloggers LGBT's e simpatizantes... e não é que haverá um convidado surpresa? Estou ansioso!!! =)




Beijinhos e portem-se mal!! ;)

quarta-feira, 12 de outubro de 2016

MOTELx 2/4 2016

Boas!

Como hoje é quarta-feira, damos seguimento às críticas da 10ªEdição do MOTELx 2016, sendo que esta série de 4 publicações já teve início na semana passada. Hoje, falarei sobre o dia 9 de Setembro.
Eis os bilhetes dos filmes que fui ver dia 9 de Setembro, no MOTELx
Vamos começar por este que foi o primeiro de dois filmes cheios de sustos (logo eu que sou um maricas!)! Villmark Asylum (da Noruega, 2015), conta a história de um antigo sanatório que se encontra para ser demolido e, para isso, uma equipa vai à mansão (que se situa no meio de uma floresta), para verificar se não existe lá nenhuma substância perigosa. A equipa ainda sabe que o velho edifício é guardado por um empregado de limpeza...
Este filme vem do seguimento de um outro filme norueguês, Villmark (2003).



Ao longo desta trama, conseguimos perceber que este tem o velho trajecto dos filmes de terror: os sustos. A equipa começa a perceber que algo não está bem e começam a morrer, não restando ninguém, deixando um nítido cheiro de haver seguimento. É um bom filme, com excelentes actores, e uma óptima fotografia. Todos os ingredientes para um fabuloso filme de nos tirar o sono!! =)
E vamos já para o último filme do dia, que foi um filme vencedor! The Noonday Witch, o vencedor da melhor longa de terror europeia 2016 pelo MOTELx, é inspirado num poema baseado da temática tradicional e folclórica da República Checa, de onde é originário este filme de 2016. A história que nos é contada, passa-se no meio de um Verão quente, onde uma mãe leva a sua pequena filha para a terra onde nasceu o seu marido. À medida que o calor vai aumentando, a relação entre a mãe e filha vai-se tornando insuportável e, isso, leva aos locais a verem semelhanças entre esta situação e uma velha lenda da região...



O filme é bastante bom. Consegue ter em medidas certas os sustos, um óptimo argumento, e a densidade das várias personagens. Conseguimos ver a angustia e o medo de uma mãe, perante uma nova realidade, e a sua vontade de começar do zero na nova casa, apesar de todas as "distracções".

Recomendo os dois filmes anteriores. No primeiro vê-se sangue, escuridão, e sustos. Enquanto o segundo, tem como base um argumento local, numa trama simples, mas com profundidade.

Para a semana, irão saber como a burca pode ser um argumento de um bom filme de terror! =)


Beijinhos e portem-se mal!! ;)

segunda-feira, 10 de outubro de 2016

Os últimos dias do Rei

Olá!

Já há muito que não falo de livros mas, desta vez, faço-vos uma recomendação de Natal... que também se pode lida durante todo o ano, pois está claro! =)

Em Junho, fui ao lançamento do livro "Os últimos dias do Rei", de Nuno Galopim (radialista e escreve para o Expresso, Blitz, Time Out e Metropolis), na Fnac do Chiado e eu, claro que marquei presença. Porquê? Por vários motivos: é um romance (e 1ª obra de ficção) e envolve História de Portugal!

Claro que não nos irei contar o livro mas, irei dar a minha opinião.
A dedicatória, fazendo um trocadilho com referência ao meu blogue! =)
Não é, de todo, um livro fast-food. Ao longo de toda a obra, conseguimos estar envolvidos emocionalmente com ele e, isso, deve-se ao fantástico trabalho de investigação e das noções do autor, em relação ao cinema e ás artes: enquanto lemos, estamos a viver aqueles acontecimentos e, em relação a isso, poucos autores conseguem ter esse objectivo alcançado!

O livro é fantástico contudo, não consigo gostar de tudo.

A parte histórica está sensacional (inclusive, chorei [literalmente] na parte em que acontece o Regicídio) - até porque, muito do que se relata aconteceu e, isso, transportou-me para há um século atrás!! Todavia, o livro tem uma diferença (em relação aos outros!)...

O Nuno, a par do relato da vida do Rei D. Manuel II, faz um paralelismo com a actualidade - 2016! Nos capítulos dedicados à actualidade, fala-se da realidade deste século: a tecnologia (pen's, e-books, por aí fora) e, para mim que não sou nada ligado a estas modernices, causa-me algum choque (e atrevimento! lol) por se falar de História com modernidade... e, por isso, fazendo referência ao meu analfabetismo tecnológico e até mesmo cultural, não consigo dar 20 valores! =/

Tenho a certeza que, conseguirei dar 20 em 20, quando o livro passar a série ou no cinema (têm dúvidas? É que eu não tenho!)!

Para quem gosta de História, do século XX, de Portugal e de Inglaterra... para quem gosta da República ou da Monarquia, ou para quem conhece ou não este nosso último Rei: compre o livro.

Eis o que se ouvia quando o nosso último rei morreu, Fred Astaire.




Beijinhos e portem-se mal!! ;)

sexta-feira, 7 de outubro de 2016

Parceria Zoom Porto

Boa noite!

É com grande gosto e entusiasmo que anuncio a parceria com... o Zoom Porto!

Adolescente Gay e o Zoom Porto, oficializam hoje esta parceria. Nenhum outro blogger, e nenhum outro individual, é parceiro oficial desta discoteca que, tanto tem animado as noites do Porto!
Hoje, e tal como todas as 6ªfeiras (excepto a última de cada mês), há a festa POP FEST, onde há o maior festival de POP do Porto e arredores, com o Dj Luís Marques, e animação garantida por duas hospedeiras que recebem e animam os clientes: são elas a Lilly Prozac, e a Kim Fox.

Na última sexta de cada mês, é a festa PIREX 2.0! A versão melhorada da festa Pirex (que é a festa de POP TRASH mais fantástica e animada de sempre que cumpre o objectivo há já 7 anos). Com três DJs (o Dj Miguel Quitério, o Dj Luis Marques e o Dj Kay), dois Gogos, e duas Drag Queens.

Os sábados são dedicados a festas temáticas com Djs (convidados) nacionais e internacionais!
Posso dar uma sugestão? Vão ao seu site e ao facebook.
Nestes dois locais, têm imensas fotos onde poderão conhecer melhor este espaço e o seu ambiente.

Caso queiram falar comigo, também estou sempre disponível.
E-mail - adolescentegay92@gmail.com

Divirtam-se na "cidade invicta", com o Zoom!!! =)




Beijinhos e portem-se mal!! ;)

P.S. - Ai que calores... já estou curioso para saber quem são os dois Gogos do Zoom! Hmmm! xD

quarta-feira, 5 de outubro de 2016

MOTELx 1/4 2016

Olá Olá!

Tal como prometido na semana passada, aquando da última publicação dos Saldos de Verão de 2016, disse-vos que, a partir de hoje e durante todo o mês de Outubro, as quartas-feiras seriam de terror... e não é que é verdade?! =)

Ao longo de quatro publicações, irei dar a minha opinião sobre o que foi o MOTELx deste ano e, fazendo claramente alusão aos filmes que tive oportunidade de ver, no Cinema São Jorge. Para quem não sabe, o MOTELx é o Festival Internacional de Cinema de Terror de Lisboa e, este ano, foi a sua 10ª Edição, que decorreu entre 6 a 11 de Setembro em que eu, tive a oportunidade em lá ir, durante quatro dias consecutivos para ver alguns dos seus mais famosos filmes.
Eis os bilhetes dos filmes que fui ver dia 8 de Setembro, no MOTELx
Vamos começar pelo início do próprio início! Antes de começar o filme Psychonauts, fomos brindados por uma curta, a dark_net (do Reino Unido, 2015). Esta curta conta a história de um tipo que foi traído e que contrata um assassino pela internet, para matar o novo companheiro da sua ex-mulher... A curta é deliciosa e, ficamos a saber que até os assassinos, gostam de cãozinhos!! xD



E o meu filme começou. Para quem não sabe, Psychonauts (de Espanha, 2015), é a continuação da mesma banda desenhada que deu origem a um primeiro filme em 2010 (de seu nome "Birdboy") e que, esse primeiro filme, ganhou o troféu de Melhor Curta-metragem de Animação nos Prémios Goya 2012. Desta vez, o mesmo protagonista, vai para uma ilha devastada ecologicamente e vê-se confrontado com uma série de dilemas... Para ser franco, não gostei muito do filme. Sendo o único filme de animação do Festival, esperava bem melhor... achei a história fraca e sem grande espaço para um pensamento profundo.

E, a correr (literalmente!), subi as escadas do São Jorge para chegar bem a tempo do início do meu próximo filme! Mas antes, houve aquela que para mim, foi das curtas mais hilariantes de todas! =D

A curta, Portal To Hell!!! (do Canadá, 2015), conta a história de um porteiro de prédio apaixonado pela leitura e que, é constantemente chamado para resolver situações domesticas até que, uns inquilinos, resolvem abrir um portal para um outro mundo e... descobrimos como o "desenrascanço" resolve o problema! Aviso-vos que, esta curta, é de rir até doer a barriga!! É fantástica!! =)



Eis o filme que causou mais discussão. Para começar admito-o: Sim, para mim, é bom filme!

O filme mexicano deste ano, We Are the Flesh, conta a historia de um casal de irmãos que encontra abrigo num sitio onde já se encontrava um individuo. Aos poucos, os irmãos, começam a ajudar este homem a fazer uma gruta em forma de útero e, começa a incentiva-los, por exemplo, a praticarem relações sexuais. Analisando o filme na perspectiva de que esta é uma nova vaga de cinema mexicano, conseguimos perceber por que caminhos somos levados e o que querem que reflictamos.

Quando via a irmã a fazer sexo oral ao irmão, para mim não era sexo mas sim, a provocação, o proibido... incentivado pelo habitante da casa. Não devemos ver, neste filme, as cenas sexuais como sexo mas sim, como estados de um êxtase! Gostei do filme, não por me fazer imaginar um fim diferente, mas por me fazer discutir interiormente sobre ele durante, e após o mesmo.

É um filme que nos leva a um debate crítico sobre o que é (ou não!) a arte, ou o que são as suas expressões artísticas, e até que ponto as podemos considerar como tal.

Porque quero que reflictam: O que nos choca, pode ser considerado como arte?


Beijinhos e portem-se mal!! ;)

P.S. - Parabéns ao António Guterres, por ser o novo Big Boss da ONU!

segunda-feira, 3 de outubro de 2016

Passatempo M.V. 2016

Olá!!!!

Tal como mencionado na última publicação da Modus Vivendi, hoje tenho novidades!

Os vossos pedidos são ordens e, por isso mesmo, orgulho-me de vos informar que a minha parceira Modus Vivendi, vai oferecer 50€ em peças à escolha da sua loja online, a 2 seguidores do meu blogue... assim, a Modus Vivendi vai oferecer 100€ em peças das suas colecções Made in Greece!
A nova linha da Modus Vivendi, de cetim e veludo 
Verdade! Se fores um dos dois vencedores, terás 50€ para gastar no que quiseres, dentro do mundo da Modus Vivendi... escolhe a peça, o tamanho, e tudo o que quiseres! Transforma o teu Natal (ou de quem mais amas), com um toque de modernidade, glamour, exclusividade, e bom gosto - apenas tens de ser original! Para isso, basta seguires as regras e esperares até ao dia 12 de Novembro!

Regras do passatempo:

> Segue as páginas do Adolescente GayModus Vivendi no Facebook;

> Escreve algo criativo (uma frase / uma quadra / o que quiseres) que contenha as seguintes palavras: "Adolescente Gay" & "Modus Vivendi";

> Envia o que escreveres, em conjunto com um print screen que comprove os teus dois likes, para o meu e-mail: adolescentegay92@gmail.com;

> No assunto do e-mail deve constar "Passatempo M.V. 2016" e, deves indicar o teu primeiro e último nome, na caixa de texto do e-mail;

> Para uma participação poder ser considerada válida, deves seguir todas as indicações acima, em risco de não a poder considerar;

> Os 2 vencedores serão escolhidos pelo responsável do blog (eu xD), que terá em conta a originalidade da participação;

> O autor do blog pode publicar qualquer texto que tenha sido submetido a participação (sem qualquer dado do interveniente [nome, e-mail] de forma a garantir a confidencialidade da respectiva participação);

> Podes concorrer até às 14:00:00 horas de sábado, dia 12 de Novembro de 2016;

> Os vencedores serão contactados directamente por e-mail, com informações sobre o código e como o podem utilizar.

Do que estás à espera?? Puxa já pela cabeça algo bastante original e segue os passos indicados em cima! Tenho a certeza que irás cativar a minha atenção e ganhar um dos códigos! Mas, já que ninguém nos ouve, posso dar uma sugestão?? Convida também os teus amigos a fazê-lo - nunca se sabe onde está a maior originalidade!! Já viram o arraso que irão dar com estas peças?! =)

E, desta forma, comemoramos o 1º ano de parceria entre o Adolescente Gay e a Modus Vivendi!



Caso surja alguma dúvida que queiras ver esclarecida, contacta-me.
E-mail - adolescentegay92@gmail.com


Beijinhos e portem-se mal!! ;)