Em Setembro: MOTELX lê as entrevistas EXCLUSIVAS aos realizadores São José Correia (Portugal), John McPhail (Escócia) e Yann Gonzalez (França)! =D

sexta-feira, 16 de fevereiro de 2018

Polpetta - Almondegaria Artesanal

Olá, boa noite!

Fui jantar ao Polpetta - Almondegaria Artesanal. Isto é, fui comer almôndegas...e das boas! O Polpetta abriu em Novembro de 2016, e tem vindo a revelar-se um local que tem mantido a qualidade ao longo dos tempos, apesar de ter actualizado o seu menu, face aos gostos dos seus consommateurs.
Puré de batata, Couscous, Polenta frita, Massa fresca, e almôndegas...
Localiza-se nos Anjos, numa paralela à famosa Almirante Reis. É um local discreto, e por fora jamais daríamos conta da sua atmosfera. Mal entrei, apesar de estar a abrir para o jantar, fui recebido por uma jovem naturalmente sorridente, onde deu-me a escolher a mesa. "No cantinho.", disse eu. Lá fomos, éramos 4. Sentamo-nos confortavelmente e fizemos o nosso pedido. Visto que nunca tínhamos lá ido, a moça ajudou-nos a escolher e, visto que queríamos provar as várias opções, ela recomendou-nos que fosse um jantar partilhado - aceitamos no imediato! =P
Para acompanhar o meu jantar, escolhi uma limonada
Escolhemos almôndegas de frango, novilho, porco e ainda a especialidade do mês. Cada uma das opções, vinha a acompanhar com um molho pesto, iogurte, cogumelos, e tomate. Para acompanhar estas iguarias, resolvemos mandar vir puré de batata (com um sabor... nem a minha mãe faz melhor!), couscous (bem bom!), massa fresca (nota-se bem a diferença entre massa fresca e o esparguete de pacote) e ainda... polenta frita (que estava super estaladiça e mega saborosa!)!! =D
O cheesecake de caramelo salgado estava uma delícia!!!
No fim, a sobremesa. Este cheescake estava uma maravilha! Quando terminamos, resolvemos partilhar com a rapariga que nos atendeu a noite toda (já vos disse que era super simpática e querida?!), que tínhamos adorado e que tinha sido uma óptima surpresa. Ela então desafiou-nos a dizer aquilo ao chef que é o proprietário da Polpetta... claro que o diríamos! Veio então o João Fonseca, o jovem que trocou arquitectura pela cozinha, trazendo para Portugal este conceito tão saboroso e reconfortante... Após falarmos um pouco com ele, lá voltou para a cozinha (tinha que servir as restantes pessoas que entretanto encheram o espaço). Este restaurante tem vários aspectos positivos: é familiar, tem brio, interessa-se pelo cliente e, o mais importante... tem bolas! =)

Vou lá voltar, e em breve! Tem uma cozinha mais do que livro-de-receitas, tem aquele toque de mãe que sempre dá um sabor distinto e memorável à comida. Esta que comi, recordou-me não a minha mãe, mas este espaço que ficou na minha memória, e tenho que lá voltar (mais que não seja, pelo puré de batata). É bom, bom, bom! Vão com um pequeno grupo de amigos, e prometo que vão gostar!

Depois de um jantar incrível, é hora de queimar as calorias, abanando o rabooo (a Eurovisão anda aí)!!




Beijinhos e portem-se mal!! ;)