Neste mês do Orgulho Gay, irei revelar NOVIDADES com 2 novas Parcerias com instituições LGBT's portuguesas! =D

sexta-feira, 15 de julho de 2016

1ª Conferência Queer '16

Boa noite!

Esta 3ª feira, houve a primeira Conferência de Imprensa de Antevisão do Queer Lisboa 20 e Queer Porto 2 e, claro, a programação dos Queer's já estão encerradas mas, o que se irá ver por lá?!

Para quem não sabe, este Festival Internacional de Cinema, foi o primeiro festival nacional criado com o propósito específico de exibir novas propostas cinematográficas de temática gay, lésbica, bissexual, transgénero e transsexual, um género cunhado internacionalmente como Cinema Queer.

Os filmes programados são organizados nas Competições para Melhor Longa-Metragem, Documentário, Curta-Metragem, Filme de Escola (formato curta-metragem) e Queer Art, esta última dedicada ao cinema de cariz mais experimental. Paralelamente à programação central, são organizadas secções fora de competição, sessões especiais e ciclos temáticos dedicados a um realizador, tema ou país, retrospetivas sobre representações da homossexualidade na história do cinema, secções dedicadas a subgéneros do Cinema Queer, bem como um conjunto de actividades paralelas, como workshops ou a organização de exposições e instalações.

No Queer Porto 2, contará com a presença do realizador Tom Kalin, que vai realizar uma master class na malavoadora.porto sobre a evolução das estéticas e narrativas do cinema Queer e, a Retrospetiva New Queer Cinema, promete ainda algumas surpresas, nomeadamente uma colaboração com diversos artistas do Porto, a serem anunciados brevemente.

A Retrospetiva New Queer Cinema (termo para definir uma nova linguagem cinematográfica que surgiu em inícios da década de 1990 e, que veio alterar o paradigma da representação de temáticas Queer, segundo um artigo da ensaísta norte-americana B. Ruby Rich, na Sight & Sound) contará com os títulos emblemáticos Mala Noche (1985), primeira longa-metragem de Gus Van Sant; The Living End (1992), de Gregg Araki; Poison (1991), de Todd Haynes; Go Fish (1994), de Rose Troche; The Watermelon Woman (1996), de Cheryl Dunye; e Swoon (1991), de Tom Kalin.



O filme que será exibido na Sessão de Encerramento do Queer Lisboa 20, no dia 24 de Setembro, no Cinema São Jorge, será em estreia nacional, Looking: The Movie. O filme do canal norte-americano HBO, realizado por Andrew Haigh (o mesmo de Weekend, que o Queer Lisboa estreou em Portugal), e que serve de capítulo final à série televisiva, transmitida entre 2014 e 2015 e que rapidamente se tornou um fenómeno viral.

Terá lugar na Cinemateca Portuguesa um debate com a presença de importantes figuras ligadas à obra de Derek Jarman, nomeadamente James Mackay, produtor de alguns dos filmes mais importantes do cineasta britânico, Keith Collins, antigo parceiro de Jarman e ator em alguns dos seus filmes, o realizador John Scarlett-Davis – um dos nomes centrais do cinema experimental britânico dos anos 1980 -, e William Fowler, programador do BFI – British Film Institute.

O muito aguardado e recentemente estreado em Londres com enorme sucesso, e que foi anunciado como garantido para estreia nacional no Queer, Absolutely Fabulous: The Movie, a adaptação ao cinema da mediática série de culto britânica, trazendo assim para o grande ecrã as aventuras da dupla Eddy (Jennifer Saunders, criadora da série) e Patsy Stone (Joanna Lumley). O filme vai ter honras de abertura do Queer Lisboa 20, a 16 de Setembro, e de encerramento da segunda edição do Queer Porto – Festival Internacional de Cinema Queer, no dia 8 de Outubro, no Teatro Municipal Rivoli.



Toca a anotar!! O Queer Lisboa 20 realizar-se-á de 16 a 24 de Setembro (no Cinema São Jorge e na Cinemateca Portuguesa); e, o Queer Porto 2, vai decorrer de 5 a 9 de Outubro (entre o Teatro Municipal Rivoli, Maus Hábitos, malavoadora.porto e Galeria Wrong Weather)!

'Bora? =D


Beijinhos e portem-se mal!! ;)